Escola Superior de Saúde de Santarém entregou diplomas aos novos graduados

Os novos diplomados pela Escola Superior de Saúde de Santarém (ESSS) prestaram juramento no sábado, dia 13 de Julho, no âmbito da cerimónia solene de encerramento do curso de licenciatura em Enfermagem.

Os recém-licenciados receberam por parte dos padrinhos as insígnias referentes à conclusão da licenciatura e realizaram a inscrição na Ordem.

Mantendo a tradição da Escola Superior de Saúde de Santarém, foram também entregues os prémios Albergaria Martins e Enfermeiro Ernesto da Fonseca, que distinguem o melhor aluno do curso e o melhor aproveitamento no estágio de integração à vida profissional.

No evento, a directora da escola, Hélia Dias, fez questão de lembrar aos jovens enfermeiros que esta etapa “é apenas o terminar de um processo formativo e que daqui em diante, como enfermeiros, vão estar sujeitos a desafios uma vez que a personalização dos cuidados de enfermagem acarreta uma atitude empreendedora contínua, de aquisição e consolidação de competências, ligadas à crescente qualidade dos cuidados que se pretende”.

“Esta será sempre a vossa escola”, afirmou a responsável, que fez questão de “deixar a porta aberta” para que possam voltar, “sobretudo se a premissa da importância da aprendizagem ao longo da vida vos continuar a fazer sentido”.

Nesta sessão solene, Hélia Dias anunciou que, em Setembro, terá início a 7ª edição do curso Master Mundus, caracterizado pela cooperação e mobilidade no domínio do ensino superior, visando proporcionar um programa de formação estruturado que prepare enfermeiros para gerir problemas graves de saúde e situações complexas em ambientes extremos.

A responsável anunciou ainda que a Escola vai dar início ao Curso Técnico Superior Profissional (TeSP) em apoio domiciliário e uma pós-graduação em enfermagem na área da senologia.

“É da participação de todos, docentes da escola, de outras escolas do Instituto e de outras instituições, estudantes e profissionais de instituições parceiras que os resultados emergem”, referiu. Dirigindo-se aos novos diplomados, Hélia Dias afirmou: “agora que vão iniciar uma nova fase na vossa vida, faço votos que a política de integração das instituições que vos vão acolher integre e promova uma enfermagem consonante com tomada de decisão e o desenvolvimento numa dimensão ética que sustente a dimensão autónoma da formação com responsabilidade pessoal, social e profissional”.

“Mas tal só é possível se mobilizarem a vossa responsabilidade, uma atitude construtiva, dinâmica e empreendedora que vos distingue como profissionais de excelência”, concluiu.

Desde a data da sua criação, a Escola formou mais de um milhar de enfermeiros, a maioria dos quais prestam cuidados de enfermagem na Sub-Região de Saúde de Santarém.

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS