A PSP detectou na quinta-feira, 17 de Outubro, ao final da tarde a presença de uma granada de morteiro que se veio a confirmar estar desactivada na rua Adelaide Félix, em Santarém, que chegou a ser cortada ao trânsito por precaução.

Fonte da PSP disse que, até à chegada de uma equipa de inactivação de engenhos explosivos da PSP de Leiria, a rua foi evacuada e cortada ao trânsito, tendo sido reaberta assim que se confirmou que o engenho já tinha sido activado anteriormente, encontrando-se sem carga.

Foram recolhidos indícios e o caso foi comunicado ao Ministério Público, que determinará a eventual abertura de um inquérito para apurar a proveniência do engenho, disse a fonte.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Leia também...

Salvador, Bebé do Ano em Santarém, recebe cheque-prenda do Correio do Ribatejo/Sonae

Salvador da Silva Carlota foi o primeiro bebé a nascer no dia…

João Manzarra apela à adopção de cães abandonados em Santarém

João Manzarra, conhecido apresentador de televisão, esteve esta sexta-feira, 15 de Novembro,…

Jogador do Alverca em estado grave no hospital após paragem cardiorrespiratória

O futebolista brasileiro Alex Apolinário, do Alverca, encontra-se em estado grave e…

Distrito de Santarém apenas com um concelho em Risco Muito Elevado

O Governo reviu ontem a listagem dos concelhos de risco e o…