Hospital de Santarém alarga serviço de hospitalização domiciliária a Almeirim e Cartaxo

O projecto Unidade de Hospitalização Domiciliária, do Hospital Distrital de Santarém (HDS), vai ser alargado aos concelhos do Cartaxo e Almeirim um mês após o início do serviço, anunciou esta terça-feira, 30 de Julho, a administração da unidade hospitalar.

Segundo um comunicado do HDS, foi criada até ao momento, no concelho de Santarém, alternativa ao internamento convencional a 10 doentes que cumpriam os critérios estabelecidos para o internamento domiciliário. Devido ao sucesso da iniciativa, a unidade hospitalar decidiu alargar o serviço à área de abrangência dos concelhos de Almeirim e Cartaxo, de modo a possibilitar esta oferta de cuidados a um maior número de utentes.

A administração destaca ainda “a satisfação dos utentes, face a esta nova modalidade de internamento” e destaca como factores “a assistência hospitalar no conforto do seio familiar com todos os recursos técnicos necessários”.

O projecto do HDS teve início a 26 de Junho, com quatro médicos e seis enfermeiros, que inicialmente iriam assegurar cuidados a três doentes, mas já o final deste mês de Julho eram 10 os utentes com cuidados assegurados.

O serviço de hospitalização domiciliária, é um modelo de prestação de cuidados em casa e afigura-se como uma alternativa ao internamento convencional, proporcionando assistência contínua e coordenada aos cidadãos que, requerendo admissão hospitalar para internamento, cumpram um conjunto de critérios clínicos, sociais e geográficos que permitem a sua hospitalização no domicílio, sob a responsabilidade dos profissionais de saúde que constituam uma Unidade de Hospitalização Domiciliária, com a concordância do cidadão e da família.

Genericamente, a hospitalização domiciliária servirá como uma alternativa ao internamento convencional, mas com assistência contínua, que permite reduzir complicações e infecções hospitalares, além de permitir gerir melhor as camas disponíveis para o tratamento de doentes agudos no Serviço Nacional de Saúde (SNS).

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS