O actual deputado e antigo vereador Manuel Afonso apresentou hoje a sua candidatura pelo PS à presidência da Câmara Municipal de Santarém nas eleições autárquicas de 2021, assumindo a ambição de “recuperar” aquela autarquia que o partido liderou entre 1977 e 2005.

“Assumimos esta candidatura com determinação e espírito de missão, com o propósito de alcançar a responsabilidade de governar o concelho de Santarém”, afirmou Manuel Afonso na conferência de imprensa que assinalou o arranque desta candidatura, na qual o actual presidente da Assembleia Municipal, Joaquim Neto, se recandidata ao cargo.

“Santarém precisa de uma mudança. Precisa voltar a ser um concelho de progresso e desenvolvimento”, afirmou ainda, acrescentando: “o concelho precisa deixar o cinzentismo angustiante e afirmar-se como um local onde vale a pena viver e trabalhar”.

PUBLICIDADE

Dizendo que, nestas eleições, “não se candidata contra ninguém”, Manuel Afonso vincou que esta candidatura pretende ser o mais abrangente possível: “seremos uma candidatura de todos, para todos”, acrescentou.

Para já, ainda não estão definidas as listas que se apresentarão a sufrágio, mas o candidato referiu que não fecha a porta a ninguém, quer sejam “simpatizantes mais à esquerda ou direita, sejam empresários ou funcionários, do sector público ou privado”.

“Queremos representar todos e toda a comunidade do concelho de Santarém”, reforçou Manuel Afonso que prometeu, caso vença as eleições, recuperar dossiers como a integração de Santarém na empresa intermunicipal Águas do Ribatejo, a conclusão do complexo desportivo Ladislau Teles Botas, na Quinta do Mocho, e encontrar uma solução para o futuro do Campo Emílio Infante da Câmara.

“Somos uma candidatura para recuperar o tempo perdido, uma candidatura de todos. O PS abre as suas portas a todos, para que todos se unam por Santarém”, concluiu.

O Partido Socialista liderou a autarquia escalabitana entre 1977 e 2005, ano em que perdeu a eleição para Francisco Moita Flores, candidato pelo PSD, partido que mantém, desde então, a gestão do executivo municipal.

Nas eleições autárquicas de 2017, o PSD, liderado por Ricardo Gonçalves, conquistou cinco dos nove mandatos (43,2%), sendo os restantes quatro eleitos do PS (34,1%), partido que, na altura, candidatou Rui Barreiro à presidência do município.

Com 18 freguesias, Santarém tinha, no final de 2019, registados 57.421 residentes.

Em 2017 votaram 27.776 eleitores dos 51.718 que se encontravam registados.

PUBLICIDADE
Leia também...

Salvador, Bebé do Ano em Santarém, recebe cheque-prenda do Correio do Ribatejo/Sonae

Salvador da Silva Carlota foi o primeiro bebé a nascer no dia…

João Manzarra apela à adopção de cães abandonados em Santarém

João Manzarra, conhecido apresentador de televisão, esteve esta sexta-feira, 15 de Novembro,…

Jogador do Alverca em estado grave no hospital após paragem cardiorrespiratória

O futebolista brasileiro Alex Apolinário, do Alverca, encontra-se em estado grave e…

Distrito de Santarém apenas com um concelho em Risco Muito Elevado

O Governo reviu ontem a listagem dos concelhos de risco e o…