O Município de Torres Novas candidatou-se ao programa «Floresta Comum» tendo recebido mais de 10 000 árvores e arbustos para reflorestar diversos terrenos e espaços verdes. Estas plantas são provenientes de viveiros do ICNF, a partir unicamente de sementes portuguesas, e estão a ser envasadas agora nos viveiros do Município, de onde partem gradualmente para terrenos públicos que irão ser preparados para as acolher.

O objetivo deste programa é fomentar e incentivar a criação de uma floresta com altos índices de biodiversidade e de produção de serviços ecológicos. O Município recebeu, ao abrigo deste programa, 26 espécies de árvores e arbustos florestais, num total superior a 10 000 plantas com as quais pretende florestar mais de 50.000m2 de terrenos municipais, renaturalizar bandas ripícolas, melhorar espaços verdes da cidade, entre outros. Fazem parte deste conjunto o sobreiro, azinheira, carvalho, carrasco, medronheiro, pilriteiro, freixo, entre muitos outras plantas definidas como de grande interesse florestal local.

Considerando que se tratam de plantas muito jovens e frágeis, estas plantas foram envasadas nos viveiros municipais onde permanecerão até se encontrarem nas melhores condições para serem colocadas, sendo que, por esse motivo, a sua plantação será escalonada durante um período de cerca de dois anos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Leia também...

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…

Condutor não respeita ordem de paragem e foge durante 25 km à GNR

Um homem de 31 anos foi detido e aguarda julgamento em prisão…