Prisão preventiva para homem por violência contra a mulher e dois filhos

Um homem, de 56 anos de idade, vai aguardar julgamento em prisão preventiva pela prática do crime de violência doméstica contra a mulher e os dois filhos do casal. A detenção do suspeito, por parte do Núcleo de Investigação e Apoio a Vitimas Especificas (NIAVE) da GNR, ocorreu no dia 12 de Setembro, no concelho de Tomar.

Segundo um comunicado do Comando Territorial de Santarém, a detenção do suspeito decorreu no âmbito da investigação do crime de violência doméstica, em que os militares apuraram que o suspeito exercia violência física e psicológica sobre a mulher, de 56 anos, e sobre os seus dois filhos. Os militares deram cumprimento a um mandado de detenção e um mandado de busca domiciliária, que culminou na apreensão de três espingardas, 62 cartuchos e na detenção do suspeito.

Após ser detido, o suspeito foi presente no mesmo dia ao Tribunal Judicial de Santarém, onde lhe foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva e foi conduzido para o Estabelecimento Prisional de Torres Novas.

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS

Deixar uma resposta