Salvador Sobral “regressa às raízes” este fim-de-semana no Festival de Jazz de Minde

Um espectáculo de Salvador Sobral, de “regresso às raízes”, no mesmo dia em que atua o pianista americano James Uhart, são destaques na programação do 14.º Festival de Jazz de Minde, que decorre de sexta-feira a domingo.

Realizando-se numa antiga fábrica de têxteis desativada desta vila do concelho de Alcanena, o Festival de Jazz de Minde decorre “num ambiente muito ‘sui generis’”, com espectáculos tanto no interior do pavilhão da antiga unidade industrial, agora designada “Fábrica da Cultura”, como no exterior.

O programa desta edição do “JAZZMINDE” arranca na sexta-feira à noite com o guitarrista Vítor Bacalhau, seleccionado para representar Portugal no “European Blues Challenge 2018”, na Noruega, e Marta Ren & Groovelvets.

No sábado, Salvador Sobral, “após o êxito na Eurovisão, regressa às raízes e canta George Gershwin, Cole Porter e Hoagy Carmichael, num projecto especialmente concebido para o público do ‘JAZZMINDE 2018’, com arranjos musicais de Nelson Cascais, e com Ricardo Toscano no sax alto, o espanhol Albert Palau, no piano, André Sousa Machado, na bateria, e Nelson Cascais, no contrabaixo”, afirma a organização.

Na mesma noite, também no Palco Fábrica, actuará o pianista norte-americano James Uhart.

No domingo, a partir das 17h00, no Palco Natura, esplanada ao ar livre, actua a banda Old Mountain, a que se seguirá o projecto “Home”, de João Barradas, “considerado pela RTP como o projecto do ano em Portugal na área do Jazz”.

Do programa faz ainda parte, na tarde de sábado, no Palco Natura, a actuação de “Jovens Talentos”, com exibições de alunos do Jazz do Conservatório, do Centro de Artes e Ofícios Roque Gameiro (CAORG), animação circense pelos OME (México), grupos de dança (PikPok’s e Dance Creed) e a actuação da Dixie Band.

“É um evento com um ambiente muito ‘sui generis’, numa vila com uma língua própria – o Minderico -, e realizado numa antiga fábrica de têxteis desactivada, por onde já passaram grandes músicos nacionais e internacionais, e que apresenta dois palcos, um interior e outro exterior, com duas bandas por concerto”, afirma a organização.

info, , , , ,

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS