A Câmara de Salvaterra de Magos vai reforçar a distribuição de cabazes às famílias que necessitam e criou uma rede municipal de apoio aos idosos e doentes crónicos, face a situações de vulnerabilidade económica resultantes da pandemia da covid-19.

Em comunicado, a Câmara Municipal de Salvaterra de Magos afirma que reforçou o apoio às famílias, no âmbito de um protocolo estabelecido em Março de 2020, na primeira fase da pandemia, com as instituições particulares de solidariedade social, juntas de freguesia e Santa Casa da Misericórdia.

“Neste sentido, tem sido prestado apoio aos agregados familiares cuja situação económica apresenta maior vulnerabilidade, com a atribuição de cabazes alimentares, refeições confeccionadas, medicamentos, produtos de higiene pessoal, entre outros”, ajuda alargada a doentes com covid-19, “que se encontram em situação de isolamento por força da doença, sem apoio familiar”.

PUBLICIDADE

Segundo o executivo liderado por Hélder Esménio, durante o ano de 2020 foram apoiados cerca de 190 agregados familiares.

O município tem ainda em funcionamento a Linha Municipal de Apoio Psicológico, para “aconselhamento psicológico e parental nesta fase de emergência”, disponível de segunda a sexta-feira, entre as 09:00 e as 17:00, através dos telefones 961 918 260 e 966 414 459.

Por outro lado, está em curso a actualização da listagem de estabelecimentos comerciais e de serviços essenciais abertos e que prestam serviços de ‘take-away’ e/ou entrega ao domicílio no concelho, “por forma a apoiar a população a planear as suas curtas deslocações para aquisição de bens essenciais e evitar o aglomerado de pessoas nesses locais”.

“Porque o apelo é para que fique em casa de novo, a Câmara Municipal volta a dinamizar o projecto #FiqueEmCasa…de novo, disponibilizando, através do seu ‘site’, canal do YouTube e página de Facebook, um conjunto de vídeos sobre diferentes temáticas com o objectivo de proporcionar actividades que possam ser usufruídas comodamente por todos a partir de casa”, acrescenta a nota.

No âmbito do programa Abem – Rede Solidária do Medicamento, promovido pela Social Dignitude, a Câmara de Salvaterra de Magos apoia a aquisição de medicamentos por parte dos agregados familiares com maior vulnerabilidade financeira.

Em 2020, também através de protocolo com a Social Dignitude, o município assumiu os custos de vacinação contra a gripe, nas farmácias aderentes, dos maiores de 65 anos residentes no concelho. 

No âmbito das medidas de apoio às famílias, o município decidiu ainda reforçar em 25% o número de bolsas de estudo a atribuir aos alunos que pretendam prosseguir os seus estudos no ensino superior, e apoiar nas despesas de habitação as famílias que ficaram em situação de desemprego “e/ou que vivenciem momentos de maior dificuldade financeira e que não disponham de meios para as ultrapassar no curto prazo”, refere a nota.

PUBLICIDADE
Leia também...

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…

Condutor não respeita ordem de paragem e foge durante 25 km à GNR

Um homem de 31 anos foi detido e aguarda julgamento em prisão…