O Município de Santarém celebra esta segunda-feira, 30 de Novembro, o Dia Internacional das Cidades Educadoras, com diversas iniciativas, envolvendo a comunidade escolar do concelho de Santarém, assinalando também o 30.º aniversário da Proclamação da Carta das Cidades Educadoras.

A Comemoração do Dia Internacional das Cidades Educadoras 2020 tem como objectivo criar consciência sobre a importância da educação, bem como dar visibilidade ao compromisso dos governos locais para a destacar como um vector gerador de bem-estar, convivência, prosperidade e coesão social.

Sob o tema “Cidades Educadoras, 30 anos transformando cidades e pessoas, para um mundo melhor”, a actividade principal deste ano consiste no convite à participação num concurso, sugerindo-se a produção de um vídeo a realizar pelas Bibliotecas Escolares dos Agrupamentos de Escolas do Concelho de Santarém, tendo como mote o texto “Santarém tem tanto tempo”.

PUBLICIDADE

O vídeo tem como objectivo permitir aos alunos a reflexão e o contributo na recolha dos olhares sobre a idealização da cidade dos seus sonhos, com a utopia que lhes é própria e testemunhos que permitam visualizar a Cidade do Futuro.

Outra iniciativa é a oferta do livro “História de Santarém”, do Prof. Doutor Martinho Vicente Rodrigues, às Bibliotecas Escolares, uma obra que visa promover o património cultural desde os tempos mais longínquos.

Paralelamente, na Reunião do Executivo realizada a 23 de Novembro, foram apresentados alguns princípios da nova “Carta das Cidades Educadoras”. Desde a sua proclamação, em 1990, a Carta foi actualizada ao longo dos anos para incorporar novos temas ou abordagens derivadas de mudanças globais, urbanas e educativas. Este documento promove uma visão da cidade que coloca a educação como um vector de transformação social e melhoria da vida comunitária.

Para encerrar de forma simbólica a comemoração desta efeméride internacional, vão ser entregues os diplomas do Quadro de Valor & Excelência, relativos ao ano lectivo 2019/2020. Este acto visa distinguir 741 alunos das escolas do concelho, que se destacaram pelo aproveitamento ou pela sua participação cívica na comunidade geral e/ou educativa.

No dia 15 de Dezembro, das 10h00 às 13h00, os diplomas irão ser entregues na Escola Básica de Alcanede e na Escola Técnica e Profissional do Ribatejo, das 15h00 às 18h00, na Escola Básica D. Manuel I, em Pernes e no dia 16 de Dezembro, das 10h00 às 18h00, os diplomas referentes às escolas da cidade, no Convento de S. Francisco.

PUBLICIDADE
Leia também...

Corações com Coroa oferece bolsas de estudo a jovens raparigas de Santarém

A Corações com Coroa (CCC), Associação sem fins lucrativos e ONGD que…

Governo vai ponderar entre hoje e quinta-feira encerramento de escolas

O Presidente da República afirmou que o Governo vai ponderar, entre hoje…

Praxes virtuais foram moda este ano lectivo

Este ano lectivo, por força da pandemia, as praxes académicas dos novos…

Webinar “Comunicar com Crianças e Jovens” reúne pais e educadores

O Torres Novas Toastmasters Club, a Confap – Confederação Nacional das Associações…