O atual presidente do Conselho de Administração da Infraestruturas de Portugal (IP), António Laranjo, cessa funções a partir de 01 de Janeiro de 2022, mas a nova administração só será nomeada na próxima legislatura, anunciou o Governo.

“Atendendo ao período eleitoral que o país viverá no início do ano, o novo Conselho de Administração da IP será nomeado na próxima legislatura. Até lá, a gestão da empresa será assegurada pelo Conselho de Administração em funções”, lê-se numa nota divulgada pelo gabinete do ministro das Infraestruturas e da Habitação.

No comunicado, o ministério de Pedro Nuno Santos “agradece a dedicação e trabalho de enorme qualidade que António Laranjo levou a cabo na presidência da IP”, salientando que liderou a empresa “num período de grande mudança e investimento, em especial no sector da ferrovia”.

No passado dia 17 de Setembro, o ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos disse à agência Lusa que pretendia ter a situação da administração da Infraestruturas de Portugal, que se encontra em fim de mandato, resolvida “até ao final do ano”.

O actual presidente da IP, António Laranjo, foi reconduzido no cargo em 2018, depois de substituir António Ramalho em 2016.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…