Assinado contrato para construção e exploração do Crematório de Santarém

O Município de Santarém e a empresa Servilusa firmaram no passado dia 8 de Janeiro, o contrato de concepção, construção e concessão da exploração do Crematório no Cemitério do Capuchos, em Santarém.

O contrato com a Servilusa foi efectuado após concurso público com o objectivo de ser criado um equipamento desta natureza, e de modo a dar resposta à constante procura deste serviço e a suprir a sua ausência/falta, neste cemitério.

O executiovo prevê que o início da obra tenha lugar no segundo semestre deste ano, com um prazo previsto de 260 dias para a construção desta infraestrutura, com custo de construção de 611,556 € e os custos do investimento inicial, que contemplam também o projecto, estudos preparatórios e trabalhos específicos de apoio à obra e o equipamento para a exploração, num total de investimento previsto de 850,081 €.

PUBLICIDADE

O Crematório vai ser construído numa área plana, a nascente, em resultado do processo de ampliação do cemitério, adjacente ao muro limítrofe inferior do cemitério, com acesso viário pela Rua da Imaculada Conceição, no prolongamento da Rua Tenente Valadim e da Avenida António dos Santos. O acesso também pode ser feito por via pedonal, pelo interior do Cemitério dos Capuchos. Estas vias urbanas de acesso a esta nova valência também vão ser alvo de obras de requalificação urbana, noutro processo, mas de forma a torná-las mais acessíveis para todos.

PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS