A Associação de Agricultores do Ribatejo (AAR) organizou esta terça-feira, 15 de Março, a Acção 2022: Ano Transição PAC – “Desafios do Presente, Preparar o Futuro”, no Auditório da Casa do Brasil.

Esta acção terminou com uma mesa redonda moderada por Luís Seabra, presidente da AAR, que contou com a participação de Nuno Russo, Vereador da Câmara Municipal de Santarém (CMS), de Rui Hipólito, Director Regional Adjunto da DRAPLVT, e de Ricardo Braz, Chefe da Divisão de Ordenamento do Território da CCDRLVT.

Nuno Russo, vereador da CMS com o pelouro do Apoio ao Desenvolvimento Agrícola do Concelho, afirmou que o Município está apostado em promover a actividade agrícola do concelho e a dinamização do agronegócio, criando uma rede de proximidade entre os diferentes actores do território.

O vereador tem feito visitas às diversas empresas no concelho, aproveitando para envolver as diversas entidades, estabelecendo o relacionamento para a criação de sinergias no sector agrícola. Nuno Russo lembrou que é fundamental atrair novas empresas e investimento para Santarém, criando todas as condições possíveis a sua actividade económica.

Santarém é a capital da Agricultura Nacional. Nuno Russo não tem dúvidas “temos os melhores agricultores e boas associações para os poder ajudar” e o Município de Santarém está disponível e interessado em acompanhar a elaboração e desenvolvimento de estudos, planos, projectos, iniciativas e projectos desenvolvidos pela administração pública, ou da iniciativa privada, no território rural municipal, relacionados com a Agricultura. Decorreram recentemente em Santarém as X Jornadas de Enoturismo, para a semana realiza-se o XIII Congresso Nacional do Milho, e no próximo mês vão ser realizadas as 24Horas Agricultura Syngenta, todas estas iniciativas têm o apoio institucional do Município de Santarém, e pretendemos fomentar a realização de todo o tipo de iniciativas relacionadas com o sector, para além da Feira Nacional de Agricultura e da AGROGLOBAL, que também se realizam em Santarém e são exemplos de sucesso.

O tema da água e da gestão dos recursos hídricos encerrou o debate. Nuno Russo referiu a importância do aproveitamento da água do rio Tejo, e destacou os diversos projectos que o Município de Santarém tem desenvolvido, quer nas intervenções estruturais nos Diques do Rebentão e Ómnias, os serviços de limpeza, desobstrução e conservação dos troços das linhas de água inseridas nos aglomerados urbanos, o combate e controlo das espécies exóticas invasoras dos ecossistemas ribeirinhos, as boas práticas ambientais de limpeza e conservação de cursos de água nas freguesias, a futura reabilitação da rede hidrográfica do rio Alviela, e ainda o projecto intermunicipal para a sustentabilidade da actividade pecuária. O Município está disponível para comparticipar parte do custo para a concretização do projecto de gestão dos recursos hídricos e ordenamento do território do vale do Tejo, com vista a ordenar e recuperar o território com mais de 10mil há numa das melhores zonas agrícolas do concelho, promovido pela Associação dos Agricultores do Ribatejo.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…