Elementos do Corpo de Bombeiros Municipais do Cartaxo e um veículo de combate a incêndios florestais estão em Monchique desde domingo.

Os Bombeiros Municipais do Cartaxo estão, desde domingo, dia 5 de Agosto, presentes no combate ao incêndio que há seis dias lavra em Monchique, no Algarve. Elementos do Corpo de Bombeiros e um veículo de combate a incêndios florestais, foram mobilizados para integrar o Grupo de Reforço a Incêndios Florestais (GRIF-O1).

A informação foi dada pelo Presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, que afirmou “a confiança na competência técnica dos elementos que assumiram a responsabilidade de integrar este Grupo, assim como, o profundo reconhecimento pelo modo altruísta e abnegado que, estou convicto, colocarão na sua acção de apoio incondicional à população”.

PUBLICIDADE

Pedro Magalhães Ribeiro tem acompanhado “este incêndio com a preocupação que se impõe, quer pela sua dimensão, evolução e persistência, quer pelo risco que implica para a segurança da população, pelos bens que já consumiu, assim como, pela enorme ameaça que ainda constitui. Este é o momento de combater o incêndio, acompanhar os nossos elementos no terreno, sabendo que vão desempenhar com muito brio as funções que lhes foram confiadas e esperando que regressem o mais depressa possível e em segurança, para junto das suas famílias”.

O presidente da Câmara Municipal afirmou também que “a competência profissional e o espírito de ajuda ao próximo, que os nossos bombeiros municipais têm demonstrado no apoio à população no combate ao incêndio de Monchique, são motivo de um orgulho genuíno, institucional, mas também pessoal”.

Para o autarca, “o corpo de Bombeiros Municipais do Cartaxo, pela experiência e reconhecido profissionalismo demonstrado nas missões que cumpre em todo o país, deve ser motivo de orgulho para toda a população do concelho”, e nesta missão em concreto, “devemos todos solidariedade e disponibilidade no apoio aos elementos mobilizados para Monchique, assim como, às suas famílias – é a estas que cabe suportar a ausência, conhecedoras que são do risco e da incerteza que qualquer missão desta natureza acarreta. Partilhamos com as famílias a preocupação e acompanhamos com atenção e elevado respeito a missão dos nossos bombeiros. Que regressem em segurança ao Cartaxo e às suas famílias.”

O Corpo de Bombeiros Municipais do Cartaxo permanecerá no terreno pelo menos até ao próximo domingo, dia 12 de Agosto, os efectivos mobilizados são substituídos a cada 24 horas.

Aos autarcas de Monchique e dos municípios limítrofes também afectados pelo incêndio, “à população deslocada das suas casas, com os seus bens ameaçados e mesmo destruídos”, Pedro Magalhães Ribeiro endereça “um profundo voto de solidariedade, neste momento assaz difícil”.

PUBLICIDADE
Leia também...

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…

Surto no CRIAL atinge todos os utentes residentes e já provocou um óbito

O Centro de Recuperação Infantil de Almeirim (CRIAL) tem um surto activo…

Loja da Cavalinho assaltada no Centro Histórico de Santarém

A loja do Cavalinho foi alvo de um assalto na madrugada desta…