O Centro Dramático Bernardo Santareno leva este sábado, 21 de Janeiro, pelas 21h30, ao palco do Teatro Sá da Bandeira, em Santarém, o espectáculo “A Mulher que Cozinhou o Marido”, uma adaptação a partir do texto original de Debbie Isitt.

Trata-se de uma comédia de enganos, quase drama, com muito humor negro, que retracta um jogo muito particular das relações amorosas, algo absurdas, da possibilidade de uma reconciliação a três.

Numa representação plena de intencionalidades, num cenário quase vazio de objectos, as verdades improváveis vão-se revelando até à surpresa final, a que ninguém espera. A previsibilidade do fim é pura coincidência, ou talvez não… Kenneth encontra o amor de outra mulher, Laura, após dezanove anos de casamento com Hilary. Mas há um pequeno problema, Laura não sabe cozinhar como Hilary o fazia e o convite improvável acontece.

A partir daqui tudo é possível e a tragicomédia pode acontecer a qualquer momento, fazendo despontar o ridículo das mais diversas situações, do presente e do passado (dos anos 60 aos anos 90), carregadas de nonsense.

Do elenco fazem parte Paula Nunes, Paulo Cotrim, Dulce Grácio, Maria Carreira, João Barros e Filipa Pinto. A encenação e adaptação do texto é de José Manuel Rodrigues.

O espectáculo é para maiores de 14 anos, apoiado pelo PAAAC do Município de Santarém.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Médico detido por abuso sexual de menores

Um homem de 27 anos foi detido esta manhã no Bairro de…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.