A cerimónia de entrega dos Prémios Municípios do Ano – Portugal 2018 vai ocorrer no dia 16 de Novembro, em Guimarães, estando nomeadas 35 autarquias para nove categorias e para o grande prémio final, foi hoje anunciado.

Em comunicado enviado à Lusa, a Universidade do Minho (UMinho) refere que o concurso, por si organizado, através da plataforma UM-Cidades, e pela Câmara de Guimarães, “visa reconhecer as boas práticas de projectos implementados pelos municípios com impacto no território, na economia e na sociedade, promovendo o crescimento, a inclusão e a sustentabilidade”.

O galardão “pretende também colocar na agenda a temática da territorialização do desenvolvimento, perspectivada a partir da acção das autarquias, bem como valorizar realidades diversas que incluam as cidades e os territórios de baixa densidade nas diferentes regiões do país”, acrescenta a UMinho.

PUBLICIDADE

Lisboa venceu esta iniciativa em 2014, com o projecto “Há Vida na Mouraria”, sendo que em 2015 foi vencedor Vila do Bispo, com o projecto “Festival de Observação de Aves & Actividades de Natureza”. Em 2016 venceu o prémio o Fundão, com o projecto “Academias de Código”, e no ano passado Guimarães, com “Pay-as-You-Throw no Centro Histórico de Guimarães”.

Os finalistas nomeados em 2018, a 5ª edição do prémio, nas nove categorias (áreas geográficas) a concurso são Avis, Coruche, Santarém e Sines (Alentejo), Albufeira, Alcoutim e Loulé (Algarve), Cascais, Lisboa, Mafra e Sesimbra (Área Metropolitana de Lisboa), Arouca, Espinho, Gondomar e Vila Nova de Gaia (Área Metropolitana do Porto), Águeda, Mealhada, Oliveira do Hospital e Seia (Centro), Figueira de Castelo Rodrigo, Idanha-a-Nova, Lousã e Sátão (Centro com menos de 20 mil habitantes), Braga, Ponte de Lima, Viana do Castelo e Vila Real (Norte), Alfândega da Fé, Armamar, Montalegre e Valpaços (Norte com menos de 20 mil habitantes), Horta, Madalena do Pico, Ribeira Grande e Vila Praia da Vitória (Regiões Autónomas).

A cerimónia de entrega dos dez galardões a concurso está marcada para as 17h00 do dia 16 e será antecedida pela conferência “Como os municípios podem contratar transportes públicos e partilhados”, proferida por Robert Stussi, vice-presidente da Associação Portuguesa do Veículo Eléctrico.

Esta edição contou com 56 candidaturas.

PUBLICIDADE
Leia também...

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…

Condutor não respeita ordem de paragem e foge durante 25 km à GNR

Um homem de 31 anos foi detido e aguarda julgamento em prisão…

GNR detém dono de café por violação do confinamento

A Guarda Nacional Republicana (GNR) deteve, no sábado, o dono de um…