Uma mulher, carteira, foi detida ontem por suspeita de se ter apoderado de correspondência que continha cartões bancários de residentes em Salvaterra de Magos e que utilizou abusivamente, fazendo levantamentos de dinheiro.

Em comunicado, a Procuradoria da Comarca de Santarém afirma que a mulher, de 40 anos e residente em Valada, no concelho do Cartaxo, está “fortemente indiciada” pela prática dos crimes de peculato, violação de correspondência e burla informática e nas comunicações.

Segundo a nota, a investigação conduzida pelo Departamento de Investigação e Acção Penal de Benavente que levou à identificação da arguida decorreu após várias denúncias por utilização abusiva de cartões de crédito ocorridas nas zonas de Coruche e de Salvaterra de Magos.

A investigação está a cargo do Núcleo de Investigação Criminal de Coruche da Guarda Nacional Republicana e a arguida será ouvida hoje em primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Instrução Criminal de Santarém, acrescenta o Ministério Público.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Médico detido por abuso sexual de menores

Um homem de 27 anos foi detido esta manhã no Bairro de…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.