Distrito de Santarém registou 1208 novas empresas em 2019

O ano de 2019 teve um aumento no número de empresas criadas no distrito de Santarém. Segundo a NERSANT, em 2019 foram criadas 1208 empresas, um aumento de 53 novas empresas em relação ano ano de 2018.

A liderar a criação de empresas no ano passado está o concelho de Santarém com 212 empresas criadas, mais cinco que em 2018. Segue-se o concelho de Ourém com 159 empresas constituídas, registando menos oito que em 2018. Na terceira posição está Benavente que criou 96 empresas, menos 10 do que em 2018.

Torres Novas criou 10 sociedades do que em 2019. Em Almeirim foram cridas 80 empresas, mais 15 do que em 2018, seguindo-se Tomar com 79, também aumentou nove empresas, e Abrantes com 74, a registar também uma subida de 10 novas sociedades. Na lista, seguem-se Salvaterra de Magos e rio maior, ambas com 56, Cartaxo com 54, Entroncamento com 51, Coruche com 47, Alcanena com 39, Chamusca com 23, Ferreira do Zêzere com 20, Mação, com 17, Golegã e Vila Nova da Barquinha ambas com 15, Alpiarça com 10, Sardoal com sete e Constância com cinco empresas criadas.

PUBLICIDADE

O ano de 2019 bateu o recorde de empresas criadas desde 2014, com 1208 novas empresas. No ano de 2018, onde foram criadas 1155 empresas, ano que também bateu recorde na criação de novas sociedades.

O apoio à criação de empresas na região do Ribatejo continua a ser uma das fortes apostas da associação empresarial NERSANT, que diariamente continua a acolher e acompanhar os empreendedores no processo de criação dos seus negócios. A NERSANT analisa mensalmente a criação de empresas no distrito, examinando o ranking por concelho.

PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS