Fogo que envolveu mais de 400 operacionais em Tomar dado como dominado

O incêndio que deflagrou na segunda-feira, 2 de Setembro, em Vale Meão, Tomar, foi dado como dominado cerca das 3h15 e encontra-se em fase de resolução, estando, pelas 10h00, no local mais de 200 operacionais e seis meios aéreos.

Pelas 1h15, o incêndio estava “controlado e perto de ficar resolvido”, existindo aquela hora, ainda alguns locais onde as chamas estavam a lavrar, dizia fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém.

“O incêndio está praticamente apagado, existindo ainda dois focos que estão a lavrar, mas estão controlados. São pontos em que os acessos são muitos difíceis, por ser uma zona rochosa”, afirmava a mesma fonte.

PUBLICIDADE

Na altura, refira ainda que os trabalhos continuavam no local, referindo que a humidade tem ajudado a combater as chamas. “Esperamos que durante a manhã, com o apoio dos meios aéreos, a situação fique resolvida. A ocorrência está, de momento, controlada, apesar de ainda existirem vários pontos quentes”, acrescentou.

Pelas 1h15, estavam no local 441 operacionais, apoiados por 123 viaturas.

“Esperamos, em breve, começar a aliviar os meios que estão no terreno”, adiantou a fonte do CDOS de Santarém, explicando que apenas existe registo de uma pessoa transportada a uma unidade de saúde de Tomar por “ansiedade”, não existindo informação de habitações afectadas.

O incêndio deflagrou na segunda-feira, às 15:36, em Vale Meão, freguesia da Sabacheira, concelho de Tomar.

Fogo em Tomar obrigou à evacuação de Agroal “por precaução”

O incêndio em Vale Meão, na freguesia da Sabacheira, obrigou a proteção civil a decidir evacuar a aldeia de Agroal, em Ourém, “por precaução”.

A evacuação do Agroal foi decidida tendo em conta a direcção do vento, acontecendo por “precaução”.


PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS