Manuel Cruz, Tó Trips, Camané e Mário Laginha nos meses de Novembro de Dezembro no TSB

Foto de arquivo

O Teatro Sá da Bandeira (TSB) apresentou a programação do projecto municipal Santarém Cultura para os próximos meses de Novembro de Dezembro, com destaque para os concertos de Manuel Cruz, Tó Trips, Camané e Mário Laginha.

O mês de Novembro inicia com a música de Manuel Cruz, no dia 7, pelas 21h30, onde o artista vai apresentar “Vida Nova”, eleito um dos melhores álbuns de 2019 pela crítica. Depois de Ornatos Violeta, Pluto, Foge Foge Bandido e Supernada, Manel Cruz dá-se a conhecer mais um bocadinho através deste trabalho.

PUBLICIDADE

O projecto Santarém Cultura em parceria com o Grupo Coordenador do Centenário do Nascimento de Bernardo Santareno-Santarém apresentam, nos dias 19 e 21 de Novembro, no TSB, dois espectáculos integrados na Comemorações do Centenário do Nascimento de Bernardo Santareno.

Leituras Encenadas – As Últimas Cenas de Santareno, com direcção artística de Jorge Louraço Figueira, uma retrospectiva do último Santareno, a partir das peças curtas e quadros escritos entre 1974 e 1980, ano da morte do autor. As peças serão estudadas por alunos do curso de interpretação da Escola Secundária Dr. Ginestal Machado ao longo de Outubro, numa oficina de análise dramatúrgica e apresentadas dia 19, às 18h00.

Sábado, dia 21 de Novembro, pelas 21h30, sobe ao palco A Arder pela companhia João Garcia Miguel, a partir da obra “O Judeu”, de Bernardo Santareno e com a participação de elementos locais das associações ARAT, Cão Raivoso e Veto Teatro Oficina, que serão envolvidos em toda a preparação do espectáculo.

O mês de Dezembro conta com três grandes concertos. No dia 4, às 21h30, Tó Trips apresenta o mais recente trabalho, banda sonora do filme Surdina de Rodrigo Areias, apresentado em formato cine-concerto, em colaboração com o Cineclube de Santarém.

Camané e Mário Laginha juntam-se no palco do TSB no dia 12, pelas 21h30, para apresentar Aqui está-se Sossegado um projecto pensado de raiz para dar mais brilho a uma voz e a um piano que se descobriram cúmplices desde a primeira vez que encheram um palco.

O ano de 2020 no TSB termina com O Barbeiro de Sevilha, de G. Rossini, no dia 19 de Dezembro, às 21h00, uma ópera que conta a história cómica do barbeiro Fígaro. A história é em Sevilha e a personagem central, o Fígaro. Quem não cantarolou o Fígaro cá, Fígaro lá? Este barbeiro sabe todas as histórias da cidade e vai fazendo mexericos, só cria confusão, um espectáculo a não perder.

Os bilhetes para estes espetáculos já estão à venda nos pontos aderentes Fnac, Worten e CTT, online em www.bol.pt, e na bilheteira local.

O Teatro Sá da Bandeira segue as recomendações da DGS e por isso as normas dirigidas ao público devem ser cumpridas. Uso obrigatório de máscara. Desinfecção das mãos à entrada. Respeitar o distanciamento social. Respeitar os circuitos de circulação. Atribuição de lugar por ordem de chegada. Obrigatoriedade de preenchimento do consentimento informado no local e no final do espectáculo os espectadores devem permanecer sentados no seu lugar.

PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS