A Mercadona abriu o primeiro supermercado do distrito, no Santarém Retail Park. Esta loja criou 65 novos postos de trabalho, com contracto sem termo desde o primeiro dia, e dispõe de uma área de vendas de 1.900 m2.

A Mercadona abriu hoje, um supermercado no Santarém Retail Park, assinalando assim a chegada a um novo distrito. Esta loja junta-se a outras insígnias já presentes neste espaço comercial, que surge agora renovado e que prima pela facilidade de acesso e boa ligação a concelhos vizinhos.

Ana Carreto, directora de Relações Externas Centro-Sul de Portugal diz estar “muito orgulhosa com a abertura do nosso primeiro supermercado em Santarém, distrito com o qual trabalhamos já há vários anos, através da relação com vários fornecedores locais”. “Acreditamos que este investimento é uma mais-valia para a região, não só pela criação de postos de trabalho de qualidade, mas também para os consumidores que procuram uma oferta diferenciadora a nível de produtos e serviço. Este é um grande passo para a empresa, já que o objetivo do nosso plano de expansão é estar cada vez mais perto dos nossos “Chefs” de todo o país”.

Já João Teixeira Leite, vice-presidente da Câmara Municipal de Santarém destacou “o investimento da Mercadona no Concelho de Santarém”, bem como a forma a empresa ”está a criar valor acrescentado na nossa Região”.

“O número de postos de trabalhos criados e a relação de proximidade que o grupo está a criar com os nossos produtores é motivo de congratulação. Santarém agradece a escolha e o investimento, somos uma Capital de Distrito com bons indicadores económicos, os melhores da região, o investimento privado no nosso Concelho é sempre bem-vindo”, referiu João Leite.

À semelhança das outras lojas, também esta dispõe de uma área de vendas de 1.900 m2 divididos entre as secções de Talho, Peixaria, Charcutaria, Pastelaria e Padaria, Perfumaria, Cuidado do Lar e Animais de Estimação, Frutas e Legumes, Garrafeira e Pronto a Comer.

Todas as novas lojas da Mercadona  são construídas respeitando o Modelo de Loja Eficiente que a empresa está a implementar em toda a cadeia, com corredores amplos, uma entrada com vidro duplo que evita correntes de ar, lineares específicos de sumos refrigerados, mural de sushi, charcutaria com presunto cortado à faca e embalado no momento, e uma máquina de sumo de laranja espremido na hora.

No âmbito da Política de Responsabilidade Social da empresa, este supermercado doará diariamente e desde o primeiro dia, bens de primeira necessidade à APPACDM de Santarém – Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão com Deficiência Mental, com a qual a Mercadona assinou um protocolo de colaboração.

A empresa abriu o seu primeiro supermercado a 2 de julho de 2019, em Canidelo, Vila Nova de Gaia e atualmente conta com 35 lojas nos distritos do Porto, Braga, Aveiro, Viana do Castelo, Setúbal e Santarém.

Em 2021 a empresa atingiu um volume de vendas de 415 milhões de euros e pagou 62 milhões de euros em impostos através da empresa portuguesa Irmãdona Supermercados, sediada em Vila Nova de Gaia. Além disso, finalizou o ano com uma equipa de 2.500 colaboradores e um investimento em Portugal de 110 milhões de euros.

Com o objetivo de partilhar com a Sociedade parte do que dela recebe, a Mercadona aumentou, em 2021, as doações a cantinas sociais, bancos alimentares e outras instituições de solidariedade social, tendo doado um total de 1.400 toneladas de bens essenciais em território nacional.

Para 2022 a empresa prevê investir 150 milhões de euros em Portugal com a abertura de um total de 10 lojas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…