O Município de Tomar vai atribuir 42 bolsas de estudo a alunos naturais do concelho ou nele residentes há mais de cinco anos que se encontram a frequentar o ensino superior. A proposta de atribuição foi aprovada na reunião de Câmara de ontem, após análise técnica feita pelos serviços.
Candidataram-se, no presente ano lectivo, 75 alunos, menos dez do que no ano anterior, dos quais 28 são renovações. Foram excluídos aqueles que não cumpriam as regras previstas no regulamento, nomeadamente referentes à naturalidade, ao tipo de curso, falta de aproveitamento escolar, valor do rendimento per capita ou da bolsa atribuída pela Direcção Geral do Ensino Superior (DGES).
Os candidatos aprovados vão receber do Município bolsas que se situam entre os 30 e os 125 euros mensais, sendo que o valor das mesmas no caso de sete deles está ainda dependente do valor da bolsa a atribuir pelo DGES.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…