Operação “Floresta Segura 2019” arranca em Torres Novas

Na próxima segunda-feira, dia 4 de Março, pelas 09h00, terá lugar, na praça 5 de Outubro, o arranque da operação “Floresta Segura 2019” no concelho de Torres Novas, com a formatura geral das entidades envolvidas e a realização seguida de uma ronda para georreferenciação dos terrenos que careçam de gestão de combustíveis, por forma a analisar as prioridades de intervenção.

Esta operação conjunta de Defesa da Floresta envolve os militares do Grupo de Intervenção Protecção e Socorro (GIPS) da Unidade de Intervenção da GNR, os bombeiros voluntários, o Serviço Municipal de Protecção Civil e o Gabinete Técnico Florestal da autarquia, contando ainda com a participação dos autarcas locais (vereadores e representantes das juntas de freguesia).

Esta acção de sensibilização abrange todo o território nacional e visa identificar situações de incumprimento na manutenção de terrenos florestais, alertar pedagogicamente para a necessidade da respectiva limpeza pelos proprietários e divulgar procedimentos em matéria de uso do fogo em queimas e queimadas, remoção de matos, manutenção de faixas de gestão de combustível e medidas de protecção de aglomerados e de autoproteção, actuando preventivamente, em cooperação com as entidades locais, a fim de minimizar o número de ocorrências de incêndios florestais durante a denominada época crítica.

Recorde-se que, no âmbito da operação Floresta Protegida 2018, foram identificados um total de 182 terrenos em risco no concelho de Torres Novas, tendo sido alcançada uma taxa de sucesso de 81% de cumprimento voluntário da limpeza dos mesmos, superior à média distrital que foi de 73%. Foram levantados pela GNR 34 autos e recebidas 29 denúncias, notando-se uma descida de 29,6% no número de ignições em relação a 2017.

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS