O Município de Ourém vai investir cerca de meio milhão de euros na criação de um Centro de Recolha Oficial, para receber animais errantes, anunciou a autarquia.

Em nota de imprensa, a Câmara de Ourém, informa que foi aprovado em reunião de executivo o projecto de execução do Centro de Recolha Oficial de Ourém, no valor de 455 mil euros, acrescidos de IVA.

O Município, liderado por Luís Albuquerque (coligação PSD/CDS Ourém Sempre), justifica a construção desta infraestrutura com a proibição do abate de animais por motivo de sobrelotação das instalações.

PUBLICIDADE

O Centro de Recolha Oficial de Ourém permitirá o acolhimento de animais errantes, num período compreendido entre 15 e 21 dias, no fim do qual será feito o transporte dos mesmos para o Centro Intermunicipal de Recolha de Animais Errantes de Proença-a-Nova.

O canil será implementado junto ao edifício do Serviço Municipal de Proteção Civil e terá capacidade para acolher entre 14 a 21 cães e 15 a 48 gatos, consoante o tamanho dos animais.

Segundo a autarquia, está prevista a possibilidade de alargamento da estrutura, sendo possível a construção de dois blocos de celas adicionais que poderão triplicar a capacidade inicial das instalações.

PUBLICIDADE
Leia também...

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…

Surto no CRIAL atinge todos os utentes residentes e já provocou um óbito

O Centro de Recuperação Infantil de Almeirim (CRIAL) tem um surto activo…

Loja da Cavalinho assaltada no Centro Histórico de Santarém

A loja do Cavalinho foi alvo de um assalto na madrugada desta…