A ponte da Lezíria, na A10, que liga o Carregado a Benavente, está em obras de manutenção das juntas de dilatação desde segunda-feira e por um período de cinco semanas, durante o qual este lanço não será portajado.

Segundo o Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT), os trabalhos decorrem “com recurso a basculamentos de tráfego (1+1) em horário diurno e nocturno, o que configura o incumprimento das ‘condições mínimas de circulação’” previstas na lei.

Esta é a “razão pela qual a concessionária não irá cobrar a taxa de portagem do sublanço em causa, desde a data de início dos constrangimentos motivados pelas obras, e até ao termo dos mesmos”, frisa.

PUBLICIDADE

Em comunicado, a Brisa afirma que os trabalhos em curso no sublanço da autoestrada 10 que liga o Carregado a Benavente visam a reparação das juntas de dilatação da ponte, por algumas delas se encontrarem em mau estado.

Declarando que o sublanço não será portajado enquanto decorrem as obras, a concessionária diz esperar, desta forma, reduzir “eventuais inconvenientes” que poderão ser gerados na circulação rodoviária.

Inaugurada a 08 de Julho de 2007, a ponte da Lezíria tem uma extensão de 12 quilómetros.

PUBLICIDADE
Leia também...

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…

Condutor não respeita ordem de paragem e foge durante 25 km à GNR

Um homem de 31 anos foi detido e aguarda julgamento em prisão…

GNR detém dono de café por violação do confinamento

A Guarda Nacional Republicana (GNR) deteve, no sábado, o dono de um…