A programação cultural de verão em Santarém arranca no sábado à noite, no Largo do Seminário, com o festival de folclore “Da aldeia à cidade”, prolongando-se até 23 de setembro, com dezenas de eventos na cidade e nas freguesias.

Sob o lema “Do Solstício ao Equinócio”, a programação de verão In.Str aposta este ano na ligação da cidade às freguesias rurais, estendendo-se às seis vilas do concelho – Alcanede, Alcanhões, Amiais de Baixo, Pernes, Tremês e Vale de Santarém -, que vão receber residências artísticas itinerantes, no âmbito da programação em rede da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT), afirma uma nota da Câmara de Santarém.

O espectáculo do próximo sábado, promovido pelo Rancho Folclórico de Vila Nova do Coito, em homenagem ao antigo vereador da Cultura do município, etnógrafo e ex-diretor do grupo, Vítor Gaspar, antecipa a abertura oficial, agendada para terça-feira, 21 de Junho, dia em que começa o verão, com circo de fogo pelos Human’Art e um brinde solsticial, a partir das 22:00, no Largo do Seminário.

Ao longo de três meses, Santarém volta a ser palco de espectáculos (de música, teatro e dança), feiras, recriações, animação de rua, cinema, etnografia, bem como do festival de Estátuas Humanas e de uma noite de observação dos astros, entre outras iniciativas, procurando recuperar uma dinâmica iniciada há oito anos e interrompida devido à pandemia da covid-19, afirma a nota.

Promovida pela Câmara Municipal de Santarém, a programação envolve, desde o seu início, em 2015, os agentes culturais do concelho, contando, nesta edição, com as parcerias das freguesias, da Fundação Inatel, do Museu Diocesano de Santarém, da Sociedade Recreativa Operária, do Conservatório de Música de Santarém, entre outros agentes e instituições do concelho.

Segundo o município, a Praça Sá da Bandeira (Largo do Seminário) e o Largo Visconde Serra do Pilar (Praça Velha) serão dois palcos privilegiados no centro histórico da cidade, sobretudo para os eventos programados para as noites de sábado.

Entre os espectáculos agendados para estes locais, contam-se a Serenata Monumental, do Centro Cultural Regional de Santarém, e o concerto dos Charruas com Dany Silva, dos Vulture de Portugal, de Maro, os tributos a Michael Bublé e aos Génesis, bem como as atuações de Olavo Bilac, Surma, Bandas Sonoras de Filmes e Pierre Aderne com a Rua das Pretas.

As manhãs de sábado serão dedicadas à etnografia e ao folclore, com as ruas do centro histórico a acolherem os usos e costumes, música, dança, gastronomia e a recriação de atividades agrícolas campesinas por 10 grupos da região, numa parceria com o Inatel.

Ainda aos sábados, a Rua Serpa Pinto enche-se de artesanato, entre as 10:00 e as 17:00, e o Jardim Portas do Sol recebe a “Barrica dos Livros”, onde se podem levantar e devolver livros para as leituras de verão.

As quartas-feiras, sob programação do Cineclube, serão de cinema, destacando o município o ciclo dedicado ao género musical, projetado no espaço junto às Piscinas Municipais, no Sacapeito.

Às quintas-feiras, a programação oferece espetáculos rotativos no Jardim da Biblioteca Municipal (guitarra clássica), na Fonte das Figueiras (jazz), no largo dos Leões (música dos anos 50 e 60) e no bairro de São Domingos (teatro de rua e pequenos concertos).

As “Cortes & Lendas”, agendadas para 01 a 03 de Julho, no Convento de São Francisco, a I Semana do Piano de Santarém, de 08 a 14 de Julho, com organização do Conservatório de Música de Santarém, o Festival de Handpan, de 02 a 04 de setembro, promovido pela Associação Movimento Aberto, no Convento de São Francisco, o PICTORIN, de 05 a 10 de setembro, na Incubadora de Artes e no centro histórico, e o Festival Internacional Celestino Graça, de 06 a 11 de setembro, na Casa do Campino, são outros eventos programados.

De 05 a 07 de Agosto, Santarém volta a acolher o Festival de Estátuas Humanas, contando esta terceira edição com 11 estátuas criadas nas residências artísticas promovidas em 2021 pela CIMLT nos onze municípios associados mais quatro estátuas humanas por artistas convidados que foram distinguidos a nível nacional e internacional.

Na noite de 06 de Agosto, entre as 21:30 e a meia-noite, o Museu Diocesano de Santarém realiza a III Observação Astronómica noturna, ajudando a identificar planetas, aglomerados estelares, estrelas duplas, nebulosas, galáxias e, ainda, satélites artificiais.

A cultura avieira vai ser o tema da exposição de fotografia patente nas ruas do centro histórico, com 50 imagens afixadas em janelas e varandas, em mais uma edição dos “caminhos das artes”, que inclui também uma exposição de pintura, de pequenos formatos, de Francisco Pereira, no Palácio de Landal.

Além das residências artísticas “Dançar com … Vindimas” e “Arte Urbana”, as vilas acolherão, ainda, os projetos “Arruar” e “Cantar a Terra”, pelos Segue-me à Capela, afirma a nota.

O município salienta que o Verão In.Str “nasceu da vontade dos agentes culturais de Santarém e do município, tendo ajudado a criar um método de participação na programação cultural da cidade, agora também alargado a todo o concelho”, e que se distingue por se assumir como “Feito em Santarém”.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…