Rotary Club de Santarém presta homenagem a Adélia Esteves e a Jorge Justino (C/Vídeo)

O Rotary Club de Santarém prestou homenagem a Adélia Esteves como Profissional do Ano 2018/2019 e a Jorge Justino como Profissional de Carreira.

A entrega das distinções à directora do Agrupamento de Escolas Sá da Bandeira e ao ex-presidente Instituto Politécnico de Santarém decorreu no auditório da Escola Secundária Sá da Bandeira e contou com a presença de várias entidades e personalidades da cidade de Santarém.

O Rotary Club de Santarém realiza anualmente a atribuição destas distinções para reconhecer, dentro da sua comunidade, que há pessoas que têm projectos de vida, uns de carreira e outros melhor do ano, que se identificam com os objectivos da Rotary.

Mário Rebelo, presidente do Rotary Club de Santarém, lembra que o Rotary presta as homenagens de Profissional do Ano e de Carreira por ser um movimento profissional que deve homenagear as pessoas pela sua profissão. “O nosso movimento, é um movimento profissional, porque se nós não fossemos profissionais, nós não podíamos estar em Rotary e é exactamente aqui o grande momento que podemos homenagear os profissionais”, refere o engenheiro.

Para a Adélia Esteves, ser homenageada é um honra e um privilégio porque leva a sua vida profissional como uma missão. “É uma honra e um privilégio muito grande, porque ser homenageada pelo Rotary Club de Santarém significa que além do currículo, como foi referido nesta sessão, é também toda a postura e os valores da pessoa, a forma como a pessoa delineia a sua actuação e portanto como uma causa pública, um serviço público, uma missão. Como eu disse quando eu falei na sessão, eu estou numa missão. A vida assim quis e, portanto, é uma dedicação imensa”, afirma a directora do Agrupamento de Escolas Sá da Bandeira.

Maria Adélia Fontes Cadete Esteves teve um percurso sempre ligado ao ensino desde que se licenciou em Geologia – Ramo Educacional – pela Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra. Foi directora da Escola Secundária de Sá da Bandeira, nos anos lectivos de 2009/10 a 2011/12 (3 anos) e é directora do Agrupamento de Escola Sá da Bandeira do ano lectivo de 2013/14 até à presente data.

Jorge Justino reconhece a importância da homenagem destacando o contributo que deu à comunidade e às instituições por onde passou. “Não digo que seja uma homenagem a 100% merecida, mas pelo menos tem um significado que de facto a comunidade e as instituições reconhecem o meu trabalho, portanto isto é importante. Sempre me dediquei intensamente às instituições por onde passei, à própria cidade de Santarém, ao desenvolvimento, às empresas e continuarei a fazer tudo, tudo o que for possível, para que haja um desenvolvimento nesta região do Ribatejo e como ainda me sinto um jovem continuarei a trabalhar em prol do sucesso da região e de Portugal para que este seja um país cada vez mais reconhecido também a nível internacional”, conclui o ex-presidente do Instituto Politécnico de Santarém.

Jorge Alberto Guerra Justino, nascido em 11 de Setembro de 1948, em Santarém, foi Presidente do Conselho Directivo da Escola Superior Agrária de Santarém de 2007 a 2010,  Presidente do Instituto Politécnico de Santarém (IPSantarém) e Membro do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP), de 1996 a 2005 e a partir de 2010 até 2018.

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS