O Santuário de Fátima vai acolher na próxima semana “35 refugiados da Ucrânia, na sua esmagadora maioria mulheres e crianças”, a pedido da Câmara Municipal de Ourém e da Comunidade Greco-Católica portuguesa.

Segundo informação divulgada pelo Santuário, além do “apoio para o alojamento temporário nas instalações do Santuário, a instituição irá desenvolver esforços, em articulação com as autoridades locais, no sentido do melhor encaminhamento destas famílias para situações mais estáveis de permanência no país, nomeadamente, ajudando no acesso a documentação, escolaridade, saúde e emprego”.

“O acolhimento no Santuário será apenas temporário”, acrescenta o Santuário que, diariamente, desde o dia 21 de fevereiro, “estabeleceu uma corrente de oração a partir de Fátima pedindo o regresso da paz para o país [Ucrânia] que vive momentos de grande sofrimento”.

Além da recitação do terço, “tem havido uma prece diária [pela paz na Ucrânia] na oração dos fiéis em todas as missas do programa oficial do Santuário”.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…