A empresa intermunicipal Águas do Ribatejo (AR) vai integrar o Conselho Mundial da Água, após a Comissão Executiva deste órgão mundial ter aprovado por unanimidade, no dia 11 de Janeiro, a candidatura da empresa ribatejana.

A Águas do Ribatejo apresentou a sua candidatura no passado dia 30 de Dezembro, e vai agora integrar o Conselho Mundial da Água ( World Water Council- WWC) que tem cerca de 400 membros, provenientes de 60 países de cinco continentes. Esta importante organização internacional integra membros todas as esferas da vida na
comunidade global da água.

Rui Godinho, presidente da Associação Portuguesa de Distribuição e Drenagens de
Água (APDA) é o representante português na Comissão Executiva que integra comissários de vários continentes. Para além da Águas do Ribatejo, existem apenas mais três entidades portuguesas que integram o Conselho Mundial da Água: as associações nacionais APDA e APRH e a maior entidade gestora do país, a Águas de Portugal.

Os primeiros passos do processo de candidatura da AR foram dados durante o ENEG
2021, realizado em Novembro no Centro de Congressos do Algarve, em Vilamoura, onde Loïc Fauchon, presidente do Conselho Mundial da Água, foi Keynote Speaker e lançou o desafio às entidades do sector para se candidatarem a integrar o Conselho.

A Águas do Ribatejo é uma empresa municipal, com capital 100 por cento público e detido pelos Municípios de Almeirim, Alpiarça, Benavente, Chamusca, Coruche,
Salvaterra de Magos e Torres Novas. Serve um universo de 140 mil pessoas nos sete
municípios associados, às quais presta os serviços de abastecimento de água e saneamento, em “alta” e em “baixa”.

O Conselho Mundial da Água é uma organização internacional, criada em 1996 e sediada em Marselha. A missão do Conselho Mundial da Água é reunir a comunidade internacional para sensibilizar os decisores para o facto de que a água é uma prioridade política vital para o desenvolvimento sustentável e equitativo do planeta. O WWC centra a sua actividade em três áreas principais: Mobilizar a acção política e a “hidrodiplomacia”; Promover a segurança da água; Organizar o Fórum Mundial da Água.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Leia também...

Santarém tem três casas de renda acessível a sorteio

As candidaturas podem ser submetidas até 24 de Janeiro de 2022

Mercadona cria 65 novos empregos com abertura de nova loja em Santarém

Em 2022.

Mercadona constrói maior bloco logístico da empresa em Almeirim

A Mercadona, maior cadeia espanhola de supermercados, anunciou que vai construir um…

‘Casa em Santarém’ nomeada para o prémio internacional de arquitectura

O projecto ‘Casa em Santarém’ da empresa dp arquitectos está nomeado para…