O núcleo de informação ao consumidor da Câmara de Santarém apoiou em 2020 um total de 314 pessoas e registou ainda um aumento de reclamações e de pedidos de informação, anunciou a autarquia.

Numa nota, o Núcleo de Informação Autárquico ao Consumidor (NIAC) do Município de Santarém revelou que, em 2020, atendeu 314 pessoas e registou 324 pedidos de informação, 26 dos quais resultaram em processos de mediação, conduzidos pela associação de defesa do consumidor Deco, ao abrigo de um protocolo entre as duas entidades.

“Em tempo de pandemia, registou-se um aumento de reclamações e de pedidos de informação, com destaque para as questões relacionadas com telecomunicações, comércio electrónico/vendas à distância, burlas por telefone, cibercrime, moratórias bancárias e viagens organizadas”, destacou o NIAC.

PUBLICIDADE

Além deste serviço gratuito, o NIAC também realizou várias ações de educação do consumidor, nas quais participaram 218 alunos do ensino básico, além de ter sido representado em dez ações de formação profissional.

PUBLICIDADE
Leia também...

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…

Condutor não respeita ordem de paragem e foge durante 25 km à GNR

Um homem de 31 anos foi detido e aguarda julgamento em prisão…

GNR detém dono de café por violação do confinamento

A Guarda Nacional Republicana (GNR) deteve, no sábado, o dono de um…