A Câmara de Santarém aprovou o protocolo com a Ordem dos Médicos Veterinários, que prevê a atribuição de cheques para tratamento de animais em risco, quer errantes quer pertencentes a famílias carenciadas.

O apoio prevê a prestação de cuidados como vacinação, desparasitação e esterilização, tratamentos e urgências para animais capturados pelo Centro de Recolha Oficial de Animais de Santarém (CROAS) ou pertencentes a famílias carenciadas (devidamente identificadas pelo município), segundo uma nota da autarquia.

“O cheque veterinário médico e cirúrgico só pode ser concedido aos animais com identificação electrónica, com exceção dos animais alojados no CROAS e apenas pode ser usado num dos Centros de Atendimento Médico-Veterinários (CAMV) aderentes”, é acrescentado na nota.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Médico detido por abuso sexual de menores

Um homem de 27 anos foi detido esta manhã no Bairro de…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.