A Câmara Municipal de Santarém aprovou em reunião de executivo, do dia 7 de Março, a primeira fase do projecto de execução de Implementação dos Percursos Confortáveis no Centro Histórico, que terá um valor de investimento no total de 1.047.188,71 euros.

Em comunicado, a autarquia refere que o projecto vai definir os espaços reservados exclusivamente aos peões (ruas pedonais) e os espaços partilhados (shared spaces), nomeadamente as zonas de coexistência, consagradas no código da estrada. Prevê ainda a eliminação da segregação de modos, através da criação de uma plataforma única, permitindo ao peão usar toda a largura da rua, eliminando-se a delimitação de faixa de rodagem, passando a circulação dos veículos a realizar-se num meio em que a prioridade é do peão.

“Esta solução de zonas de coexistência foi a proposta face à reduzida largura das ruas que constituem o Centro Histórico. Neste sentido, foram definidos pavimentos que proporcionam a todos os peões uma circulação autónoma, funcional, segura, confortável e compatível com a circulação automóvel, criando uma dinâmica de valorização e revitalização do Centro Histórico, apoiando o comércio local e dignificando o turismo”, esclarece a mesma nota.

A fase 1 inclui a Rua Serpa Pinto, a Rua Capelo e Ivens, o Largo Padre Francisco Nunes da Silva, a Rua Dr. Joaquim Luís Martins, a Rua de S. Martinho, Largo do Terreirinho e Rua e Largo Eng. Zeferino Sarmento.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Médico detido por abuso sexual de menores

Um homem de 27 anos foi detido esta manhã no Bairro de…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.