Casal preso preventivamente por suspeita de furtos em farmácias

Um homem de 37 anos e uma mulher de 28 anos suspeitos de uma dezena de furtos a farmácias em localidades do distrito de Santarém, um deles qualificado, vão ficar presos preventivamente enquanto decorre o inquérito, afirma a PSP.

Segundo o comando distrital da Polícia de Segurança Pública (PSP), o homem foi detido em flagrante delito e a mulher no cumprimento de um mandado de detenção, tendo a medida de coação sido aplicada após primeiro interrogatório judicial ocorrido terça-feira no Tribunal de Santarém.

Os furtos ocorreram ao longo de mais de seis meses, em farmácias do Entroncamento, mas também de outras localidades do distrito de Santarém, afirma a nota.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS