O estado do tempo vai agravar-se a partir das 09h00 com chuva forte, tendo sido emitido aviso vermelho para o início da tarde no distrito de Santarém.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o aviso vermelho, o mais grave de uma escala de quatro, vai estar em vigor nos cinco distritos entre as 12h00 e as 18h00 de hoje. O aviso vermelho corresponde a uma situação meteorológica de risco extremo. Nesta situação, o IPMA recomenda que as pessoas se mantenham ao corrente da evolução das condições meteorológicas e sigam as orientações da protecção civil.

Portugal continental está sob o efeito da depressão Bárbara, que dará origem a precipitação forte, aumento da intensidade do vento com rajadas até 100 quilómetros por hora.

PUBLICIDADE

Todos os distritos de Portugal continental (18) estão a partir das 09h00 sob aviso laranja devido à previsão de períodos de chuva por vezes forte e persistente. A partir das 12h00, cinco distritos estão a vermelho e os restantes sob aviso laranja até às 18h00 de hoje, passando depois a amarelo até às 00h00 de quarta-feira.

O IPMA emitiu também aviso laranja para todos os distritos do continente, excepto Porto e Viana do Castelo, até às 21h00 de hoje devido à previsão de vento forte com rajadas até 95 quilómetros por hora, sendo até 120 quilómetros por hora nas terras altas.

O aviso laranja indica situação meteorológica de risco moderado a elevado e o amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe risco para determinadas actividades dependentes da situação meteorológica.

Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) colocou oito distritos do centro e norte do país em estado de alerta especial laranja desde as 00h00 de hoje devido à chuva “forte e persistente” e ao vento.

Lisboa, Santarém, Setúbal, Portalegre, Castelo Branco, Aveiro, Coimbra e Porto são os oito distritos que vão estar em alerta laranja (o segundo mais grave da escala) entre as 00h00 de hoje e as 23h59 de quarta-feira.

No sistema de proteção civil o estado de alerta especial laranja significa que o grau de risco é elevado, sendo expectável uma situação de perigo com condições para a ocorrência de fenómenos invulgares que podem causar danos a pessoas e bens, colocando em causa a sua segurança.

PUBLICIDADE
Leia também...

Hospital de Santarém – Uma homenagem sentida aos ‘homens e mulheres’ da Linha da Frente

Especial 130 anos do Jornal Correio do Ribatejo O mundo mudou há…

Salvador, Bebé do Ano em Santarém, recebe cheque-prenda do Correio do Ribatejo/Sonae

Salvador da Silva Carlota foi o primeiro bebé a nascer no dia…

João Manzarra apela à adopção de cães abandonados em Santarém

João Manzarra, conhecido apresentador de televisão, esteve esta sexta-feira, 15 de Novembro,…

Taberna do Quinzena – A ‘Catedral’ da boa comida Ribatejana

Especial 130 anos do Jornal Correio do Ribatejo Com uma decoração típica…