A Casa do Campino, em Santarém, volta a receber uma recolha de sangue, numa organização do Grupo de Dadores de Sangue de Pernes (GDSP). A iniciativa está marcada para a próxima sexta-feira, dia 5 de Fevereiro, entre as 15h00 e as 20h00.

Cedido pela Câmara de Santarém, a Casa do Campino é um espaço “central”, que garante a “segurança do dador” e tem todas as condições de acesso e estacionamento necessárias, segundo explica o GDSP.

No futuro, o Hospital Distrital de Santarém continuará a ser lugar de recolhas, mas a Casa do Campino vem resolver a necessidade imediata de um espaço alternativo durante esta fase de combate à pandemia. O grande objectivo do GDSP continua a ser “salvar vidas” continuando “a dinamizar a dádiva de sangue.

PUBLICIDADE

A cada dois segundos, alguém precisa de uma transfusão de sangue e todos os dias são necessárias mil unidades de sangue em Portugal.

Podem doar sangue todas as pessoas com bom estado de saúde, hábitos de vida saudáveis, peso igual ou superior a 50 kg e idade compreendida entre os 18 e 65 anos. A dádiva de sangue é benévola e não remunerada.

A doação de sangue pode ser feita de quatro em quatro meses pelas mulheres e de três em três meses pelos homens.

PUBLICIDADE
Leia também...

Só Coruche e Sardoal escapam ao recolher obrigatório às 13h00 no fim-de-semana

Os concelhos de Coruche e Sardoal são os únicos, no Distrito de…

Hospital de Santarém no limite da capacidade de internamento de doentes covid

O Hospital Distrital de Santarém atingiu o limite da sua capacidade prevista…

Hospital de Santarém esgotou capacidade de internamento em enfermaria

O Hospital de Santarém esgotou a capacidade de internamento em enfermaria para…

Transmissão comunitária preocupa autarcas de Santarém

Os autarcas de Santarém estão apreensivos com a evolução negativa da situação…