A Câmara do Entroncamento deliberou, por unanimidade, ordenar a demolição do edifício parcialmente construído situado no local da antiga sede do Grupo Desportivo dos Ferroviários do Entroncamento, obra embargada no final de 2005 devido a irregularidades.

Em comunicado, o município afirma que tentou resolver a situação junto do actual titular do imóvel, uma entidade bancária, “sem resultados concretos” e sem se vislumbrar “qualquer solução em período aceitável”, o que levou o tomar a decisão de ordenar a demolição, sendo dado um prazo de seis meses ao proprietário para a concretizar.

Segundo o município, a obra “foi licenciada em Novembro de 2003 e pelo prazo de 24 meses, sendo embargada no final de 2005 por terem sido verificadas várias irregularidades. Já após o embargo e sem responsável técnico, foram executados trabalhos ilegalmente, nunca tendo sido desencadeada qualquer acção pelo promotor para a regularização do processo”.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Leia também...

‘Casa em Santarém’ nomeada para o prémio internacional de arquitectura

O projecto ‘Casa em Santarém’ da empresa dp arquitectos está nomeado para…

Rotary Clube de Santarém distingue Sílvia Carreira como profissional do ano

Sílvia Carreira, directora técnica do Lar Gualdim, do Centro Social Interparoquial de…

“Os pequenos produtores não podem ser abandonados”

João Mendes – Fio Dourado DIVULGAÇÃO APRODER O lagar de azeite da…

Câmara de Santarém pede 270 mil euros ao BEI para requalificação de avenida

A Câmara de Santarém aprovou hoje a contracção de um empréstimo de…