A escola de primeiro ciclo do Mergulhão, em Santarém, está encerrada esta semana para desinfecção, depois de duas professoras, uma assistente operacional e 12 alunos terem tido resultado positivo no teste ao novo coronavírus.

A vice-presidente da Câmara Municipal de Santarém, que detém o pelouro da Educação, Inês Barroso, explica que, em articulação com a autoridade de saúde, o Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano decidiu encerrar a escola durante esta semana, uma vez que metade das seis turmas de primeiro ciclo foram sinalizadas com casos de covid-19.

A directora do Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano, Margarida da Franca, disse que a decisão foi tomada no sábado, quando começaram a chegar os resultados dos testes realizados na turma onde foi detectada a infecção da professora e que se encontrava já em isolamento profiláctico nas respectivas residências.

PUBLICIDADE

Para a decisão de encerramento pesou também o facto de o teste feito a uma assistente operacional ter tido resultado positivo, sendo que estas profissionais contactam com todos os alunos, adiantou.

Margarida da Franca afirmou que os alunos estão todos assintomáticos e que as aulas estão todas a ser asseguradas ‘online’, tendo as professoras infectadas sido substituídas temporariamente.

A vereadora adiantou que o município reforçou os cartões de acesso à Internet disponibilizados ao agrupamento.

As assistentes operacionais vão, a partir de hoje, fazer “uma limpeza profunda”, a que se seguirá uma desinfecção geral do espaço, na sexta-feira, por parte dos bombeiros municipais, disseram.

Inês Barroso afirmou que todas as escolas do concelho têm turmas em casa devido ao aparecimento de casos de covid-19, sendo a EB1 do Mergulhão a única encerrada.

A autarca frisou que as decisões nesta matéria cabem à autoridade regional de saúde, em articulação com os agrupamentos de escolas, fazendo o município (responsável pelos espaços físicos, pelo fornecimento das refeições e pelas actividades de complemento curricular e de apoio às famílias) o acompanhamento das situações.

Com 57.611 habitantes (2018), o concelho de Santarém registou até ao momento 738 casos da covid-19, 229 dos quais se mantêm ativos, tendo ocorrido 24 óbitos, na sua maioria em lares (apenas quatro na comunidade).

Segundo o último balanço divulgado pelo município, os principais surtos localizam-se no Hospital Distrital de Santarém, com 51 infetados, seguindo-se o lar da Santa Casa da Misericórdia, com 48 casos, e um ginásio privado (20 casos).

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,2 milhões de mortos e mais de 46,5 milhões de casos de infecção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.590 pessoas dos 146.847 casos de infecção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direcção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

PUBLICIDADE
Leia também...

Salvador, Bebé do Ano em Santarém, recebe cheque-prenda do Correio do Ribatejo/Sonae

Salvador da Silva Carlota foi o primeiro bebé a nascer no dia…

João Manzarra apela à adopção de cães abandonados em Santarém

João Manzarra, conhecido apresentador de televisão, esteve esta sexta-feira, 15 de Novembro,…

Estatuto do Antigo Combatente assegura um “tardio, mas justo reconhecimento”

O parlamento aprovou, no passado dia 23, o Estatuto do Antigo Combatente,…

Empresário de Santarém é o mandatário nacional da candidatura de André Ventura às presidenciais

Rui Paulo Sousa, o empresário de Santarém de 53 anos, vai ser…