O Município de Ferreira do Zêzere vai promover, pela primeira vez, uma campanha de Natal que pretende apoiar o comércio tradicional. Para o Presidente da Câmara Municipal, Bruno Gomes, esta iniciativa reveste-se da maior importância, na medida em que permitirá a dinamização do comércio local, que tem vindo a ser esvaziado pela atratividade das grandes superfícies comerciais, que recentemente se debateu com os constrangimentos impostos pela pandemia Covid-19 e que neste momento sente de forma profunda as consequências da situação económica que marca a actualidade.

Esta iniciativa permite, assim, apoiar o comércio local, tornando-o mais atractivo, ao mesmo tempo que apoia aqueles que vierem a aderir à campanha, apoiando-os na aquisição dos bens pretendidos, até porque viram reduzidos os seus rendimentos e capacidade de compra.

A Campanha “Neste Natal compre no comércio tradicional” está em vigor de 2 a 31 de Dezembro. Para esse efeito estarão envolvidos os estabelecimentos comerciais do Concelho de Ferreira do Zêzere que adiram à iniciativa e que detenham a Classificação das Atividades Económicas (CAE) 47 – Comércio a retalho, com exceção de hipermercados; de bebidas ou tabacos, comércio a retalho de combustível para veículos a motor e comércio a retalho de combustíveis para uso doméstico.

A campanha assenta na compra de vouchers (na Tesouraria do Município) pelo valor de 5€ e 10€, por qualquer cidadão que o queira fazer, independentemente da sua naturalidade, residência, ou local de trabalho. Só podem, contudo, ser adquiridos vouchers até ao valor máximo de €50 por cidadão (até ao limite da verba comprometida para o efeito), sendo esse controlo feito tendo por base o número de identificação fiscal (NIF).

Em posse dos vouchers, os consumidores deslocam-se aos estabelecimentos aderentes (que estarão devidamente divulgados e identificados com um dístico da campanha) e farão as suas compras, sendo que os vouchers que adquiriram têm, nos estabelecimentos comerciais, o dobro do valor que pagaram. Ou seja, os vouchers adquiridos pelo valor de 5€ e 10€ têm o valor comercial de 10€ e 20€, respetivamente, no momento da compra. Estes vouchers estão limitados à verba comprometida para este efeito.

Todas as compras efectuadas, com os vouchers devem ser de valor igual ou superior ao valor do mesmo, não havendo lugar a troco ou reembolso e não podendo os mesmos ser convertidos em dinheiro. Acresce, ainda, que em cada compra apenas poderão ser utilizados dois cartões.

O Executivo municipal espera que este investimento nas pessoas e no comércio local tenha um impacto positivo, tornando esta época natalícia mais especial e feliz.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Médico detido por abuso sexual de menores

Um homem de 27 anos foi detido esta manhã no Bairro de…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.