O incêndio que deflagrou numa zona de floresta em Sardoal foi dominado pelas 21h15, adiantou à agência Lusa fonte da Proteção Civil.

De acordo com o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém, pelas 22h20, encontravam-se ainda no local 206 operacionais, apoiados por 68 viaturas, a realizar trabalhos de rescaldo.

Mais de 150 bombeiros combatiam às 20:30 um incêndio florestal em Sardoal, mas o presidente daquela autarquia do distrito de Santarém adiantou que, apesar do vento, uma “resposta pronta e musculada” permitia que o fogo estivesse “praticamente controlado”.

Em declarações à Lusa, o presidente da Câmara Municipal de Sardoal, Miguel Borges, disse que as chamas lavravam “em floresta, sem habitações ou pessoas em perigo”, num incêndio cujo combate estava a ser dificultado pelo “forte vento”, com as projeções a serem “prontamente resolvidas” pelos meios aéreos.

“O incêndio está controlado, o vento está muito forte, mas temos muitos meios no terreno e penso que em breve estará completamente controlado e entrará em fase de resolução”, afirmou à Lusa o autarca, por telefone, a partir do posto de comando instalado, destacando a “resposta pronta e musculada” dos bombeiros e proteção civil.

O incêndio deflagrou às 17:39 na aldeia de Mivaqueiro, freguesia de Santiago de Montalegre, concelho de Sardoal, e, segundo a página da Internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, às 20:30 estavam no local 169 operacionais, apoiados por 53 viaturas e quatro meios aéreos.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Médico detido por abuso sexual de menores

Um homem de 27 anos foi detido esta manhã no Bairro de…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.