Francisco Ferreira reeleito como presidente da associação ambientalista Zero em Torres Novas

O ambientalista Francisco Ferreira foi hoje reeleito presidente da direcção da Zero – Associação Sistema Terrestre Sustentável, para o triénio 2019-2021, prometendo dar prioridade à acção para a sustentabilidade.

Nestes próximos três anos, Francisco Ferreira, engenheiro do ambiente e professor universitário, continuará a contar com Carla Graça na vice-presidência da Zero, tal como resulta das eleições que decorreram em Pedrógão, Torres Novas, no distrito de Santarém.

Em comunicado, Francisco Ferreira sublinha que, nestes próximos três anos, entre as prioridades da Zero vão estar a abordagem de “grandes questões nacionais” como as alterações climáticas, a redução da produção de resíduos e a promoção das energias renováveis.

A associação promete ainda dar enfoque a questões relacionadas com a qualidade da água nos rios portugueses, nomeadamente nos rios internacionais, e estar atenta a “decisões sobre temas cruciais” como o futuro das infraestruturas aeroportuárias na região de Lisboa, a exploração de recursos geológicos ou os grandes investimentos previstos para a próxima década.

A Zero conta actualmente com 1.500 associados, mas tem como meta chegar, em breve, aos dois mil, assegurando a classificação como organização não-governamental (ONG) de âmbito nacional.

“Também a aposta em projectos emblemáticos e demonstrativos das políticas defendidas pela Zero deverá ser uma importante linha de actuação, como é o caso da implementação de eco-comunidades”, sublinha o comunicado.

Além da eleição dos órgãos sociais, nesta 4.ª Assembleia-Geral da Zero foram aprovados os relatórios de actividades e contas.

Foto: Zero

PUBLICIDADE

W3Schools

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS