O secretário-geral-adjunto do PS, José Luís Carneiro, manifestou hoje “veemente repúdio” pelas agressões a autarcas de Abrantes, solidarizando-se com o presidente da câmara local, o socialista Manuel Jorge Valamatos.

“Nada justifica a violência. Queria, naturalmente, manifestar o veemente repúdio pela agressão de que foram vítimas dois autarcas”, disse o “número dois” de António Costa no PS, em em declarações à agência Lusa.

Na terça-feira, o presidente e o vice-presidente da Câmara Municipal de Abrantes (CMA) foram agredidos durante uma reunião por um ex-empresário da construção civil que há anos responsabiliza aquela autarquia pela falência das suas empresas.

PUBLICIDADE

“Qualquer desrespeito por um autarca significa o desrespeito por um símbolo da democracia local, por isso, queria deixar uma palavra de solidariedade ao Manuel Jorge, presidente da câmara, e àqueles que foram vítimas desta agressão”, acrescentou Carneiro.

Segundo comunicado da CMA, o agressor, “munido de um pau com gancho de ferro, entrou ilegalmente no edifício onde decorria a sessão, proferiu várias ameaças verbais aos presentes e agrediu fisicamente o presidente, o vice-presidente e uma trabalhadora” do município ribatejano.

PUBLICIDADE
Leia também...

Salvador, Bebé do Ano em Santarém, recebe cheque-prenda do Correio do Ribatejo/Sonae

Salvador da Silva Carlota foi o primeiro bebé a nascer no dia…

João Manzarra apela à adopção de cães abandonados em Santarém

João Manzarra, conhecido apresentador de televisão, esteve esta sexta-feira, 15 de Novembro,…

Estatuto do Antigo Combatente assegura um “tardio, mas justo reconhecimento”

O parlamento aprovou, no passado dia 23, o Estatuto do Antigo Combatente,…

Empresário de Santarém é o mandatário nacional da candidatura de André Ventura às presidenciais

Rui Paulo Sousa, o empresário de Santarém de 53 anos, vai ser…