Um homem de 65 anos, do Sardoal, suspeito da prática dos crimes de homicídio na forma tentada, de perseguição e de posse de armas proibidas, vai ficar preso preventivamente, segundo o Ministério Público (MP).

Num comunicado divulgado hoje na página da Procuradoria da Comarca de Santarém, o MP refere que o suspeito foi presente, na sexta-feira, a primeiro interrogatório “por, na sequência de mandados de busca tendentes à recolha de prova relativa à prática de factos constitutivos de crimes de homicídio na forma tentada e de perseguição, ter sido detetado que era possuidor de armas proibidas no seu domicílio”.

O Ministério Público informa ainda que defendeu a aplicação da prisão preventiva “como única medida de coação capaz de evitar a concretização” dos perigos de continuação da atividade criminosa ou de perturbação grave da ordem e tranquilidade públicas, “tese acolhida pelo tribunal”.

A investigação quanto à prática dos crimes de homicídio na forma tentada, perseguição e posse de armas proibidas correrá pelo Departamento de Investigação Criminal de Leiria da Polícia Judiciária, é acrescentado na nota.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Médico detido por abuso sexual de menores

Um homem de 27 anos foi detido esta manhã no Bairro de…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.