Quatro dos suspeitos detidos, na sequência de uma operação de combate ao tráfico de estupefacientes, que decorreu na sexta-feira e sábado, 9 e 10 de Abril, em Santarém, vão aguardar julgamento em prisão preventiva.

Para além destes quatro suspeitos, a PSP de Santarém deteve na segunda-feira, 12 de Abril, um quinto elemento de 33 anos de idade, através de um mandado de detenção e procedeu ainda à apreensão de mais uma viatura ligeira.

O Tribunal de Santarém decidiu aplicar a medida de coacção de prisão preventiva a quatro detidos e um dos suspeitos foi determinada a medida de apresentações periódicas na esquadra de residência.

PUBLICIDADE

Recorde-se que, esta operação, cuja investigação decorria há cerca de um ano, culminou na apreensão de droga com um valor de mercado estimado em 560 mil euros.

Entre os cinco detidos, estão quatro homens e uma mulher com idades compreendidas entre os 35 e os 44 anos.

“Foram apreendidos produto estupefaciente com valor de mercado estimado em 560 mil euros, considerável quantia monetária e bens suspeitos de resultarem da actividade ilícita e diversos artigos habitualmente utilizados na preparação do produto”, indicou a PSP.

No âmbito das buscas, foram apreendidas 224.044 doses de produto estupefaciente suspeito de ser haxixe (com peso global superior a 112 Kg), 10 doses de produto estupefaciente suspeito de ser cocaína, 22.046,35 euros em numerário, quatro balanças de precisão, uma máquina de contagem de moeda/notas, quatro viaturas ligeiras e oito telemóveis.

PUBLICIDADE
Leia também...

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…

Condutor não respeita ordem de paragem e foge durante 25 km à GNR

Um homem de 31 anos foi detido e aguarda julgamento em prisão…