PSD de Santarém exige ao Governo alteração no PNI 2030

A Comissão Política do PSD de Santarém, que reuniu no dia 9 de Novembro, veio a público mostrar a sua indignação pela última versão do Plano Nacional de Investimento (PNI) 2030 e evidencia a ausência de investimento estruturante para o Concelho de Santarém.

Numa nota publicada, o PSD de Santarém considera “grave e revelador de uma ausência de visão e conhecimento dos problemas reais do território”, o facto de o troço Ferroviário Vale de Santarém – Entroncamento ter “desaparecido” nesta segunda e última versão do PNI 2030.

A construção da variante e aumento da velocidade máxima de circulação entre Santarém e Entroncamento esteve previsto na primeira versão do PNI2030 de Janeiro 2019, mas o Governo acabou por retirar a obra na última revisão do Plano Nacional de Investimentos.

PUBLICIDADE

O PSD de Santarém considera que este investimento é” unanimemente considerado fundamental” e que, já esteve em 2009 com “espaço canal definido, expropriações realizadas e com data de lançamento de empreitada anunciado”.

Segundo o partido, o desvio da Linha do Norte é um investimento que representa “3 por cento da totalidade da verba existente para a ferrovia no PNI2030 e irá influenciar positivamente cerca de 9 por cento da população portuguesa e trazer mais coesão ao território”.

O PSD de Santarém reforça ainda a sua indignação ao constatar a “ausência de investimento estruturante para o Concelho de Santarém”, como é o caso da “ausência do reforço de verbas para o Plano Global de Estabilização das Encostas, uma nova saída da A1 no norte do concelho, a Variante da EN3 ao Vale de Santarém, correcção ao traçado da EN362 para Alcanede e a conclusão do IC10”.

“É com profundo desagrado que somos surpreendidos, pelo Governo do Partido Socialista, de uma ausência de investimento nos projectos que consideramos estratégicos para o futuro de Santarém e que têm impacto nacional”, assinala Ricardo Gonçalves, Presidente do PSD de Santarém.

A Comissão Política de Secção do PSD lança um apelo à união de esforços das diversas forças partidárias com assento Parlamentar para que do” ponto de vista legislativo a Assembleia da República obrigue o Governo a proceder às devidas alterações do PNI2030, recolocando Santarém e a Região no sentido do progresso e desenvolvimento social”.

PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS

ADICIONAR COMENTÁRIOS

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *