O ribatejano José de Sousa garantiu a passagem à segunda fase da ‘Premier League’ de dardos, após concluir no dia 22 de Abril a segunda semana da competição, em Londres, com duas vitórias, um empate e uma derrota.

No final da primeira semana, José de Sousa, que participa pela primeira vez no evento através de um ‘wild card’, ocupava o penúltimo lugar, com apenas uma vitória, dois empates e duas derrotas.

No entanto, os triunfos obtidos esta semana, sobre James Wade (7-5) e Glen Durrant (7-4), garantiram a passagem à segunda fase, apesar do desaire frente a Michael van Gerwen (7-4), na quarta-feira, e do empate (6-6) obtido hoje frente a Peter Wright.

Desta forma, o atleta português assegurou o apuramento para a fase seguinte com nove pontos, resultantes de três vitórias, três empates e outras tantas derrotas na primeira fase da competição.

PUBLICIDADE

A passagem à segunda fase, no entanto, já tinha sido assegurada pelo jogador da Chamusca na quinta-feira, após os ingleses Rob Cross (duas vitórias, um empate e seis derrotas) e Gel Durrant (oito derrotas) ficarem matematicamente impossibilitados de seguir em frente.

Na segunda fase, que se disputa entre os dias 05 e 27 de Maio, os oito primeiros classificados voltarão a defrontar-se em sistema de todos contra todos e os quatro primeiros passam à final, enquanto os quatro últimos ficam pelo caminho.

A final será disputada pelos quatro melhores classificados da segunda fase, na ‘play-off night’ (noite de ‘play-off’), em 28 de Maio, em sistema de eliminatória.

A ‘Premier League’ de dardos é uma competição exclusiva, na qual participam apenas os quatro primeiros classificados da Ordem de Mérito PDC, que engloba os resultados dos últimos dois anos, e seis ‘wild cards’ escolhidos pela organização, entre os quais se encontra o jogador português.

José de Sousa destacou-se no último ano ao tornar-se no primeiro estreante a vencer o Grand Slam da Professional Darts Corporation (PDC), batendo na final, por 16-12, o inglês James Wade, o mesmo adversário que vai encontrar na próxima ronda da ‘Premier League’.

Foi o melhor resultado de sempre de um jogador de dardos português no circuito profissional, a juntar aos triunfos no European Darts Grand Prix, em Outubro, e aos Players Championships de Barnsley e Dublin, em 2019.

José de Sousa, de 46 anos, natural de Vale de Cavalos, concelho da Chamusca, ganhou o cartão de jogador do ProTour em 2019, ano em que deixou de lado a sua profissão de carpinteiro e passou a dedicar-se a tempo inteiro aos dardos.

PUBLICIDADE
Leia também...

Atleta do Santarém Basket Clube morre aos 13 anos de idade

Henrique Francisco, atleta do Santarém Basket Clube, faleceu no passado domingo, 11…

Benfica do Ribatejo incrédulo com decisão da Associação de Futebol de Santarém

O Grupo Desportivo de Benfica do Ribatejo está incrédulo com a resposta…

Árbitro ribatejano apita jogo entre Estrela da Amadora e SL Benfica

João Bento, árbitro da Associação de Futebol de Santarém, vai apitar o…

A festa dos adeptos do Sporting em Almeirim (C/FOTOS)

O Sporting Clube de Portugal sagrou-se campeão nacional, na noite do passado…