A Câmara de Torres Novas aprovou os projectos de reabilitação do interior do castelo, obra orçada em 771.838 euros, e de acessibilidades ao monumento, no valor de 564.750 euros, submetidos a candidaturas a fundos comunitários.

Em comunicado, a Câmara de Torres Novas afirma que a reabilitação interior visa “criar um conceito de visita mais abrangente, que salvaguarde a memória dos factos históricos proeminentes”, estando prevista a requalificação do jardim e a remodelação dos espaços de apoio ao visitante (recepção, sala anexa e instalações sanitárias), “adaptando o espaço para a realização de manifestações culturais ao ar livre e para implementação de um conceito museológico com conteúdos que promovam a adesão interactiva e dinâmica da população”.

Quanto ao projeto de acessibilidades, o objectivo é “reconstituir no exterior o percurso pedonal que circunda a base do alambor e a construção de uma escadaria”, bem como a instalação de um elevador para acesso ao interior do monumento.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…