Tribunal de Santarém declara SAD do CD Fátima insolvente

Noel Gomes, presidente da CD Fátima SAD

O Juízo de Comércio do Tribunal de Santarém declarou insolvente a sociedade anónima desportiva (SAD) que gere as equipas de futebol júnior e sénior do Centro Desportivo de Fátima. A insolvência foi requerida por Paulo Neto dos Santos, director desportivo do clube, um dos muitos profissionais do clube que tem diversos salários em atraso.

O juiz do processo deu agora 30 dias para os credores reclamarem os créditos, pelo que findo este período é que se vai ter a noção exacta das dívidas da SAD do Fátima. Pedro Pidwell Silva foi nomeado para administrador de insolvência.

PUBLICIDADE

Este é já o segundo pedido de insolvência da SAD do CD Fátima, que já havia sido requerida por Miguel Bruno Sousa Pereira há cerca de um mês, mas foi na altura indeferida pelo Tribunal de Santarém.

As dificuldades financeiras do clube já eram conhecidas desde Janeiro passado, altura em que vários jogadores saíram da equipa devido à falta de pagamento de ordenados, num altura em que a equipa estava na segunda posição da Série C do Campeonato de Portugal.

A SAD do CD Fátima é controlada em 70 por cento pelo grupo Lleon, de Noel Gomes. O administrador do grupo, apesar da situação financeira, garantiu recentemente, em entrevista ao ‘Jornal Record’, que a equipa estará pronta para a nova época

PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS