União de Santarém perde eliminatória da Taça de Portugal nos penáltis

A União de Santarém perdeu, hoje, o jogo frente ao Vilaverdense a contar para a 2ª eliminatória da Taça de Portugal.

Os escalabitanos estiveram a perder desde os dois minutos da partida através de uma grande penalidade do adversário, mas acabaram por chegar ao empate aos 88 minutos por intermédio de João Monteiro. O jogo prosseguiu para prolongamento mas foi nos penáltis que foi decidido o vencedor do jogo.

As equipas empataram na primeira série de cinco grandes penalidades, com um penálti a ser falhado para cada lado.

PUBLICIDADE

A União de Santarém acabou por perder a partida, após Valter Júnior não conseguir converter o sexto penálti do desempate, num remate “à Panenka” defendido pelo guardião do Vilaverdense, o veterano Carlos.

Gonçalo Silva assumiu interinamente o comando da equipa técnica neste jogo a contar para a Taça de Portugal, após a saída do técnico André Luís.

PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS