A Águas de Santarém foi a primeira empresa do Distrito de Santarém e a terceira do sector a nível nacional a obter a certificação pela NP 4552:2016 – Sistema de gestão da conciliação entre a vida profissional, familiar e pessoal – como meio para proporcionar o aumento de uma sociedade menos conflituosa, assente numa maior solidariedade e igualdade entre mulheres e homens, entre as entidades patronais e os trabalhadores e entre as comunidades locais e os seus grupos minoritários. Desta forma, é possível, ainda, intensificar a redução dos conflitos familiares provocados por longas jornadas de trabalho ou horários inadequados a uma vida social, informa a empresa em nota a que o Correio do Ribatejo teve acesso.

Para Ramiro Matos, presidente do Conselho de Administração da empresa, “o facto de a empresa ter como único accionista uma entidade pública não a deve condicionar, mas antes motivar a aplicar princípios de gestão próprios das empresas privadas, tornando as suas práticas inovadoras e sustentáveis e com um olhar muito atento para os seus trabalhadores, que são o centro e a base do cumprimento da sua missão de interesse público”.

Esta norma portuguesa visa dar resposta à necessidade sentida pelas organizações de disporem de um sistema de gestão no âmbito da conciliação, a qual se baseia “em princípios e valores que visam elevar os níveis de bem-estar, qualidade de vida e satisfação geral das partes interessadas”, explica a empresa na mesma nota.

A Águas de Santarém passa a pertencer a um grupo restrito de empresas pioneiras na aplicação desta norma, estando o Conselho de Administração focado nas condições de trabalho dos seus colaboradores, na melhoria da organização do trabalho, na aposta nas tecnologias e nas suas virtualidades para novas formas de trabalho e, também, para agilizar tarefas da vida quotidiana, inovar no apoio e na renovação de formatos tradicionais de entreajuda.

PUBLICIDADE

Para esta certificação no âmbito da norma NP 4552:2016 são considerados três eixos de conciliação: Boas Práticas Laborais, Apoio Profissional e Desenvolvimento Pessoal, e Serviços e Benefícios. Destacam-se, como principais benefícios das medidas inerentes a esta norma, a Retenção e Captação de Talento; o Aumento da Motivação; o Aumento da Produtividade; o Aumento do Foco e Concentração no Trabalho; a Diminuição do Absentismo; a Valorização da Organização perante a Comunidade; a Redução de Conflitos Laborais; a Diminuição da Sinistralidade e o Aumento da Satisfação.

O processo foi iniciado em Março para a referida certificação. Nas auditorias de certificação (1ª e 2ª fases) não foram detectadas não conformidades, dando origem à recomendação imediata da certificação, por parte da Bureau Veritas Certification, que concedeu tal distinção à Águas de Santarém no passado dia 01 de Setembro.

“A certificação foi o culminar de um projecto que traduz o empenho e a crença da empresa de que a conciliação entre a vida profissional, familiar e pessoal é o caminho para uma melhor organização, para o bem-estar de quem nela trabalha, com reflexo nas outras dimensões da vida de cada um. Continuamos, assim, apostados neste ciclo de melhoria contínua e na mudança cultural que exige convocar toda a sociedade a assumir um compromisso colectivo com medidas de impacto a curto, médio e longo prazo”, conclui a mesma nota.

PUBLICIDADE
Leia também...

Mercadona cria 65 novos empregos com abertura de nova loja em Santarém

Em 2022.

Mercadona constrói maior bloco logístico da empresa em Almeirim

A Mercadona, maior cadeia espanhola de supermercados, anunciou que vai construir um…

‘Casa em Santarém’ nomeada para o prémio internacional de arquitectura

O projecto ‘Casa em Santarém’ da empresa dp arquitectos está nomeado para…

Moinho de Fau e Restaurante no Jardim das Portas do Sol colocados em hasta pública

A Câmara Municipal de Santarém vai realizar um hasta pública, no próximo…