Aquapolis Norte vai ter dois campos de Padel

A aposta no Padel vem diversificar a oferta lúdico desportiva no concelho e a opção pelo Parque Urbano Ribeirinho vem valorizar os equipamentos já existentes nas duas margens do Tejo. O Aquapolis continua a ser uma das apostas da autarquia para proporcionar à população o acesso a várias modalidades desportivas, mas também a espaços públicos de recreio e de lazer.

Iniciou na passada semana a intervenção para implementação de dois campos descobertos para a prática de padel, uma variante do ténis que ganha cada vez mais adeptos e praticantes. Serão construídos na área do parque de desporto e lazer do Aquapolis, margem norte (Barreiras do Tejo).
Para o Presidente da Câmara de Abrantes, Manuel Jorge Valamatos, “é mais uma aposta no reforço dos nossos equipamentos. Mas é também um incentivo à prática de novas modalidades, proporcionando mais diversidade e oportunidades, neste caso mais na vertente social e lúdica, mas também de aprendizagem”.

O investimento é de 52.630,00€, acrescido de IVA e a empreitada contempla a execução de dois recintos com piso e características que cumprem as exigências técnicas do padel, incluindo também um sistema de iluminação para permitir a prática desportiva no período noturno, no sentido de otimizar a infraestrutura. A intervenção deverá ficar concluída ainda durante o período de verão.

PUBLICIDADE

A opção pela oferta deste equipamento desportivo deve-se à inexistência de campos para a prática da modalidade, conjugada com o facto de existir no concelho de Abrantes um número significativo de praticantes. Junto da autarquia foi manifestado o interesse na prática desse desporto localmente, em alternativa às deslocações a concelhos vizinhos que já dispõem dessa infraestrutura.

Segundo a Federação Portuguesa de Padel, este desporto tem uma abrangência etária que vai dos 6 aos 80 anos. Esta é uma das características mais interessantes do desporto, que muitas vezes é jogado em família ou em grupos.

A opção pelo Aquapolis norte vem complementar e valorizar as infraestruturas já existentes nesta margem do Tejo: polidesportivo; parque infantil; parque de merendas; ciclovia e zona de patins e skate; campo para desportos de praia; pesqueiros; restaurante e ginásio.

Com as estruturas existentes na margem sul (ParqueTejo, parque infantil, estação de canoagem, pesqueiros, parque de manutenção física, ringue polidesportivo e hipódromo dos mourões que acolhe com regularidade atividades desportivas como o hipismo e outros eventos desportivos e culturais), separadas pelo plano de água do Rio Tejo, o Parque Urbano Ribeirinho continua a ser uma das apostas da autarquia para proporcionar à população o acesso a várias modalidades desportivas, mas também a espaços públicos de recreio e de lazer.

O padel é um desporto de raquete, jogado a pares e utilizando raquetes e bolas próprias. É uma actividade desportiva que tem vindo a registar um assinalável crescimento do número de praticantes a nível nacional e internacional. Segundo a Federação Portuguesa da modalidade, existem em Portugal cerca de 80.000 praticantes, 7.000 jogadores e perto de 400 campos espalhados por todo o país.

PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS