No âmbito do “Programa de Equipamentos Urbanos de Utilização Colectiva”, o Clube Desportivo Amiense apresentou uma candidatura com vista à obtenção de financiamento e execução da “obra de conservação do Pavilhão Gimnodesportivo”, que teve aprovação por parte da Direcção-Geral das Autarquias Locais.

O Protocolo que formaliza a “luz verde” para avançar com os trabalhos foi assinado esta sexta-feira, dia 22, pelas 9h30, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Na cerimónia estiveram presentes, Carlos Miguel, Secretário de Estado das Autarquias Locais, Ricardo Gonçalves, Presidente da Câmara Municipal de Santarém (CMS), José Santos, Inês Barroso e Jorge Rodrigues, Vereadores da CMS, Sónia Ramalhinho, Directora-Geral da Direcção-Geral das Autarquias Locais (DGAL), João Teixeira, Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Lisboa e Vale do Tejo, Romeo Lourenço, Presidente do Clube Desportivo Amiense, e Duarte Neto, Presidente da Junta de Freguesia de Amiais de Baixo.

De referir que esta obra tem um custo estimado de cerca de 100 mil euros, sendo comparticipado a 50 por cento pela DGAL, no valor de 50 mil euros.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Médico detido por abuso sexual de menores

Um homem de 27 anos foi detido esta manhã no Bairro de…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.